Dieta volumétrica: método ajuda a emagrecer sem passar fome

Método inventado nos Estados Unidos ensina a secar a barriga comendo mais

POR ANA PAULA DE ARAUJO - PUBLICADO EM 06/10/2011

Fome. Só de pensar nela, muita gente desiste da dieta antes mesmo de começar um projeto de emagrecimento e prefere amargar os quilos a mais na balança e as roupas apertadas. Mas o problema passa bem longe de quem começa a seguir a dieta volumétrica, proposta pela nutricionista norte-americana Barbara Rolls. Apresentado no livro A Dieta Volumétrica - Perca peso comendo mais (Editora Best Seller, 294 páginas), o método ensina a aumentar a quantidade de alimentos no prato cair nos excessos calóricos. "O segredo da dieta volumétrica é escolher opções que trazem saciedade e contam poucas calorias", resume a nutricionista Camila Attademo, da Clínica Libert, no Rio de Janeiro. Veja a seguir como incorporar, no seu dia a dia, as dicas da dieta volumétrica e perca peso sem sofrer com o estômago roncando. 

Faça trocas inteligentes

Em vez de comer somente o macarrão com o molho de tomate, você pode acrescentar legumes, ocupando metade do prato com a massa e a outra metade com os vegetais. Assim você diminui as calorias vindas do macarrão, mas sua refeição ganha mais volume com os legumes. Segundo a nutricionista Roberta Stella, do Dieta e Saúde, o ideal é, em vez de apenas adicionar frutas nos alimentos, substituir: em vez de comer uma xícara inteira de iogurte, substitua duas colheres de iogurte por duas de frutas, por exemplo. "Você também pode fazer a troca na gelatina, ou cenoura e beterraba no arroz integral. Também dê preferência para alimentos refogados e ensopados, pois são preparados com água, aumentando o volume sem aumentar as calorias", exemplifica Renata Saffioti, nutricionista da Sabor Integral Consultoria em Nutrição, São Paulo. 

Seu peso dos sonhos é ideal para você?

Responda a avaliação e descubra se seu peso atual e sua
meta de emagrecimento são saudáveis.

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não