Alimentos integrais: eles são a melhor opção para a sua dieta?

Descubra se eles previnem doenças do coração e se podem contribuir com o ganho de peso

POR LAURA TAVARES - ATUALIZADO EM 13/10/2016

Você é adepto de massas, pães, biscoitos, bolo, arroz, salgados e outros produtos na versão integral? Ao que tudo indica, alimentos integrais parecem a melhor opção para quem quer perder peso, para quem sofre de diabetes ou até mesmo para quem quer cultivar uma dieta mais saudável. Segundo a nutricionista Thatyana Freitas, da clínica Stesis, em São Paulo, o termo "integral" indica que todos os componentes do grão - farelo, gérmen e endosperma - são conservados durante o processamento. Mas, afinal, qual o real impacto disso na alimentação? E será que ele é, de fato, tudo isso que se fala ou apenas mais uma dentre tantas modas da dieta? Para descobrir, selecionamos as principais características relacionadas aos alimentos integrais e verificamos com profissionais se elas são ou não verdade. Confira:

Alimentos integrais são menos calóricos do que os refinados

Nem sempre a versão integral dos alimentos apresenta menos calorias. "As propriedades nutricionais são muito diferentes, mas o impacto calórico nem sempre é mais vantajoso", explica a nutricionista Thatyana. Segundo ela, na maior parte das vezes as calorias são equivalentes. Os nutrientes dos integrais, entretanto, fazem seu consumo valer mais a pena.