PUBLICIDADE

Adoce suas refeições com frutas e melhore a digestão

Nada de deixar as fatias para sobremesa, experimente o agridoce

Comer, ao menos, três frutas diferentes por dia é o mínimo de uma dieta saudável. Mas, para muita gente, isso é complicado e as mordiscadas ficam restritas a uma banda de mamão no café e uma maçã no lanche. Uma pena, que deixa seu organismo mais frágil e vulnerável a uma série de problemas. Isso porque as frutas são ótimas fontes de sais minerais e vitaminas, nutrientes essenciais para fortalecer a imunidade e deixar a pele e os cabelos bonitos.

Por isso, a dica da nutricionista Roberta Stella, chefe da equipe nutricional do MinhaVida, é passar a incluir as frutas em meio as refeições. "A mescla dos sabores doce (da fruta) e salgado (dos pratos) desperta sensações inusitadas no paladar", afirma. "E os benefícios não terminam numa refeição mais gostosa. Há misturas que melhoram a digestão e outras que aumentam a saciedade", afirma a nutricionista.

A seguir, ela oferece uma série de dicas para você incrementar os seus pratos com frutas.

Abacaxi com carne: o abacaxi apresenta uma substância chamada bromelina, amaciante natural das carnes. Assim, essa combinação dá uma sensação de conforto, melhorando a digestão dos alimentos.

Feijoada com laranja: incluir a fruta na refeição é mais do que saboroso. A laranja estimula a liberação de suco gástrico no estômago, o que facilita a digestão dos alimentos e diminui a sensação de peso que se abate sobre você após a feijoada.

Farofa com ameixa: mais uma vez, a sabedoria popular trabalha a favor da sua saúde. A ameixa é um ótimo laxante enquanto a farinha tende a prender o intestino. Combinando as duas, mesmo quem sofre com prisão de ventre pode experimentar uma farofinha.

Salmão com molho de maracujá: os peixes de água fria, como o salmão, protegem seu coração contras doenças cardiovasculares enquanto a vitamina C presente no maracujá tem efeito antioxidante, ou seja, trabalha contra o envelhecimento das células. Combinar os dois é uma receita deliciosa de longevidade.

Maionese com maçã: a fruta faz bem mais do que dar um toque especial na sua maionese (que, rica em gorduras, é uma ameaça para o coração). A maçã é rica em flavonóides, substancias que diminuem a capacidade de oxidação do colesterol e, portanto, dificulta que ele se fixe na parede das artérias, causando o entupimento (ateromas).

Banana à milanesa: ela dá muito mais sabor a qualquer prato. Rica em potássio, a banana é uma ótima pedida para atletas que sentem cãibras e também deve compor o prato de quem precisa de muita comida para se sentir saciado (isso porque, como ela é rica em fibras solúveis, a digestão demora mais e você tarda a sentir fome novamente). O problema aqui está na milanesa, que acrescenta muitas gorduras e calorias ao seu prato. A dica: mantenha a banana in natura ou, se preferir, dê uma grelhada na fruta.

Molhos agridoces Os molhos agridoces orientais, principalmente da cozinha chinesa, devem ser consumidos com cuidado. "Eles contém muita gordura e muito sódio, o que pode prejudicar a dieta de pessoas com hipertensão, por exemplo", afirma Roberta Stella. A melhor opção, segundo ela, é adoçar sua refeição com a fruta in natura.

Frutas em calda Elas acompanham muitos pratos, incluindo o tender assado, comum em muitas festas. O sabor fica delicioso e as frutas em calda preservam boa parte dos nutrientes contidos na versão in natura. O problema está no excesso de calorias que o açúcar usado no cozimento acrescente. Sendo assim, dispense as compotas no dia-a-dia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)