PUBLICIDADE

Jejum intermitente diminui pressão arterial e colesterol, diz estudo

Pesquisa mostrou que o método de emagrecimento pode ser mais eficaz do que as dietas comuns

O jejum intermitente vem conquistando adeptos pelos seus mais diversos benefícios para a saúde e, recentemente, novas vantagens desse método de emagrecimento foram encontradas. Um estudo feito por pesquisadores da Universidade de Surrey, na Inglaterra, mostrou que o jejum intermitente é capaz de diminuir a pressão arterial e reduzir o colesterol.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A pesquisa analisou 27 voluntários que tinham excesso de peso e que fizeram o jejum intermitente por dois meses. A divisão da dieta na semana foi feita da seguinte forma: eles comiam normalmente por cinco dias e, nos dois dias restantes, eles reduziam a ingestão calórica para 600. Já outro grupo reduziu as calorias diárias no geral: 1.400 calorias para mulheres e 1.900 para homens.

O estudo buscava identificar como o jejum intermitente conseguiria modificar a forma que o organismo consegue metabolizar as gorduras e os açúcares no sangue. Depois de 59 dias, foi analisado que o grupo que fez o jejum perdeu pelo menos 5% do peso e 9% dos índices de pressão arterial.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Por outro lado, o grupo que fez a ingestão de menos calorias diárias precisou de mais tempo para alcançar um resultado parecido com o do primeiro grupo. Depois de 73 dias, eles perderam 5% do peso e 2% da pressão arterial.

As taxas de colesterol também foram um destaque no grupo que fez o jejum, que tiveram esse índice diminuído mais rapidamente do que o outro grupo. Os pesquisadores acreditam que o jejum intermitente pode prevenir o surgimento de doenças cardiovasculares, por ter sido capaz de reduzir significativamente o colesterol e a pressão arterial em pouco tempo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Contraindicações do jejum intermitente

Apesar de todos os benefícios, o jejum intermitente não pode ser feito por qualquer pessoa. Quando mal feito ou seguido sem orientação de um profissional de saúde, pode levar a problemas graves, como desnutrição, desidratação, hipoglicemia, fraqueza muscular, dificuldades de concentração, entre outros. Isso ocorre principalmente quando o jejum é feito sem o acompanhamento de um profissional de saúde ou por pessoas contraindicadas a este tipo de dieta. Veja aqui as contraindicações do jejum intermitente.