Corselet até afina a cintura, mas a lista de contras para a saúde é extensa

Varizes e atrofia muscular estão na lista de consequências da pressão excessiva na cintura

POR MANUELA PAGAN - PUBLICADO EM 27/04/2012

Muitas mulheres adoram uma cintura bem marcada e um acessório bem fashion. Mas é preciso cuidado com o uso de meios errados para diminuir as medidas. O uso de corselets e corsets através do método tight lacing (do inglês "laço apertado") empurra as últimas costelas - chamadas de costelas flutuantes - para dentro, dando aquela impressão de cintura fininha, que, na verdade, se dá através de uma deformação na caixa torácica. Os especialistas são unânimes quanto ao padrão nada natural que o uso de corsets provoca. Que tal saber bem o que esse acessório causa antes de vesti-lo? 

Deformação do tórax

Os dois últimos pares de costelas do nosso tórax são chamados de flutuantes. Isso porque elas se fixam em outras costelas, não são tão firmes quanto as outras, fixadas no osso chamado esterno. Ao optar por usar um corselet, as mulheres estão deformando a caixa torácica, empurrando esses ossinhos para dentro.

"Se o uso é feito em uma idade em que os ossos ainda estão em formação, os riscos de atrofia são ainda maiores", explica o cirurgião plástico Carlos Alberto Komatsu, diretor geral da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Essa deformidade pode prejudicar a principal função da caixa torácica, que é a de proteger os órgãos internos.  

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não