PUBLICIDADE

Lipoenxertia: aplicação de gordura no rosto pode ajudar a rejuvenescer?

A técnica da lipoenxertia com gordura do próprio corpo devolve o volume às regiões atrofiadas e rejuvenesce a pele

Com o avanço da idade, a expressão facial ganha linhas e sulcos e perde volume em algumas áreas. Tudo por que a perda de colágeno e elastina, que reduz a elasticidade natural da pele, provoca o aparecimento de rugas e sulcos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Essas mudanças se manifestam com maior ou menor intensidade, de acordo com fatores genéticos e estilo de vida. Hábitos como tabagismo e exposição ao sol sem proteção adequada influenciam esse processo natural e irreversível.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A técnica da lipoenxertia com gordura do próprio corpo devolve o volume às regiões atrofiadas e rejuvenesce a pele porque a gordura aspirada contém uma gama de células-tronco, capaz de levar à formação de novas células de tecido cutâneo, proporcionando a renovação completa da região facial. Sem provocar um efeito artificial ou exagerado, a lipoenxertia possibilita um rejuvenescimento natural, seguindo a tendência que se firma cada vez mais na cirurgia plástica mundial.

Como é realizada a lipoenxertia?

São introduzidas cânulas ou seringas de lipoaspiração através da pele, até o tecido adiposo, de onde a gordura é aspirada por meio de um sistema de vácuo. Em seguida, o material aspirado é tratado. São retiradas as células de gordura rompidas, o sangue e os resíduos de anestésico. Somente após esse tratamento a gordura é enxertada em um novo local, por meio de seringas muito finas. Geralmente, é recomendada apenas uma sessão. Se houver necessidade, o médico poderá fazer um retoque posteriormente.

Assim o procedimento com gordura autóloga, ou seja, do próprio corpo apresenta excelente resultado porque é biocompatível e não alergênica, não causando rejeição. A gordura pode ser retirada de qualquer outra parte do corpo que contenha gordura em excesso, mas em geral, a retirada é feita do abdômen, através da cicatriz umbilical. Pode ser usada anestesia local ou tópica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Efeitos pós-preenchimento facial

Os efeitos do preenchimento facial aparecem logo após o tratamento, se tornando mais evidentes uma semana após a sessão, período em que o inchaço do rosto é amenizado. Cerca de 30 a 50% do volume de gordura implantado é reabsorvido, já o restante se tornará permanente.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Inchaço e equimoses (manchas arroxeadas na pele) são comuns após o preenchimento facial com gordura corporal. Em casos mais raros podem acontecer infecção e o acúmulo de líquido na região em que foi realizado o preenchimento. Pode, ainda, haver a lesão de nervos e vasos sanguíneos, causando alterações da sensibilidade e hematomas. As contraindicações são diabetes, doenças do colágeno, alterações renais ou hepáticas, bem como uso de anticoagulantes.

Recomendações

É recomendado ao paciente que evite massagear a região, o que pode aumentar a absorção da gordura implantada. O paciente também deve evitar o sol, para evitar o surgimento de manchas na pele. Exercícios físicos por até 15 dias devem ser evitados. Depois desse tempo é possível retornar às atividades mais leves e após dois meses aos exercícios normais devido ao processo de lipoaspiração na região abdominal.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)