PUBLICIDADE

Situações estressantes afetam mais as mulheres, diz estudo

Em 16/3/2017
Redação
Escrito por Redação
Redação Minha Vida

De acordo com uma nova pesquisa, as mulheres são mais afetadas por acontecimentos estressantes, como morte de alguém próximo, uma doença e até mesmo a perda do celular.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Realizado por pesquisadores da Sociedade de Fisiologia no Reino Unido, o estudo também constatou que o Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia, teve um impacto maior para as mulheres do que para os homens.

Realizado por pesquisadores da Sociedade de Fisiologia no Reino Unido, o estudo também constatou que o Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia, teve um impacto maior para as mulheres do que para os homens.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A pesquisa avaliou dados de 2.000 pessoas britânicos, que foram convidadas a estipular o nível de estresse provocado por diferentes acontecimentos. Segundo a análise, em todos eventos as mulheres apresentaram níveis mais altos que os homens. Porém, houveram situações em que ambos deram notas parecidas sobre o estresse, como a ameaça do terrorismo e a chegada do primeiro filho.

Os resultados variaram um pouco em diferentes regiões do Reino Unido. Para os pesquisadores, a área mais estressada foi a Escócia, enquanto os mais ?relaxados" foram os moradores do Sudeste da Inglaterra.

Além disso, a idade também influenciou nas respostas. Os participantes indicaram sendo que o estresse aumentou com a idade e com problemas de longo prazo, como doenças ou prisão.

Contudo, verificou-se uma exceção à regra com relação à perda do smartphone, que teve notas altas entre os mais jovens e os mais velhos. O objetivo da pesquisa é mostrar os efeitos do estresse no organismo em uma época em que a internet trouxe uma carga extra de exposição às pessoas.

"Embora muitas pessoas estejam cientes do efeito do estresse sobre o bem-estar mental, também é importante considerar o impacto sobre os sistemas do corpo. Seu cérebro, sistemas nervosos e hormonais reagem ao estresse e afeta seu coração, sistema imunológico e sistema gastrointestinal. Quando o estresse é prolongado, esses efeitos em todo o corpo pode resultar em doenças como úlceras ou aumento do risco de ataque cardíaco", revelou Dra. Lucy Donaldson, presidente do Comitê de Política da Sociedade Fisiológica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)