Volte a ter o corpo anterior à gravidez em seis meses

Corrija estrias, flacidez e elimine os quilos a mais sem pôr a saúde em risco

POR MINHA VIDA - ATUALIZADO EM 26/07/2013

Depois que o bebê nasce, começa a contagem: quanto tempo será necessário para que você volte a ter o corpo de antes? As estrias, as manchas no rosto, a flacidez, o inchaço e os quilos a mais costumam constar no pacote de reclamações mais comuns. Mas a amamentação e os cuidados com a criança precisam ser levados em conta antes de iniciar qualquer tratamento, afirma o dermatologista Caio Roberto Shwafaty de Siqueira, do Hospital Vila Mariana. Sessões de drenagem linfática, aplicações de laser e peelings estão na lista de alternativas que precisam de acompanhamento e avaliação médica antes de serem incluídos na sua rotina.

O plano abaixo foi cuidadosamente montado por Caio Roberto, além do ginecologista Sidney Sanchez, também do Hospital Vila Mariana, da ginecologista Rosa Maria Neme, da nutricionista Maria Izabel Barros Carderelli e da dermatologista Erika Voltan, todas do Centro de Endometriose de São Paulo, e mostra como é possível, em menos de um ano após o nascimento do bebê, voltar à forma anterior à gravidez sem pôr sua saúde em xeque.

Primeiro mês

Nos primeiros 45 dias pós-parto, todo o corpo da mulher passa por readaptações: sai do estado de grávida e passa para o estado de lactente. Os inchaços das pernas e das mãos, tão comuns no final da gravidez, aos poucos desaparecem. Sessões de drenagem linfática com fisioterapeutas podem ser realizadas de uma a duas vezes por semana para amenizar esse sintoma. Nesta fase, a pele da barriga, das mamas, das coxas e do bumbum pode adquirir aspecto flácido, com acentuação das estrias, principalmente se você engordou demais na gestação. Aplique cremes emolientes à base de óleos vegetais (amêndoas e macadâmia, por exemplo) diversas vezes ao dia,eles reduzem a quantidade de estrias e aliviam a flacidez no pós-parto.

Já na primeira semana pós-parto, é possível notar a perda de peso (ocasionada pela saída do bebê e pela perda da placenta e do líquido amniótico). Além disso, ocorre a involução uterina num processo que leva cerca e 40 dias para se completar, com o útero voltando à forma que tinha antes da gravidez. A alimentação deve ser equilibrada e natural, sem restrições, porém sem excessos de alimentos ácidos e condimentados, que podem prejudicar o leite. É uma fase de abstinência sexual e também de repouso quanto a atividades físicas. 

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não