PUBLICIDADE

10 coisas que ninguém diz sobre o primeiro ano de casado

Você pode se surpreender com a nova realidade (positiva ou negativamente!)

1. Tomar café da manhã juntos todos os dias só nos filmes (sexo também)

Sabe aquela cena de filme em que o casal se encontra na cozinha de manhã, dão um beijo apaixonado? um faz as panquecas enquanto o outro prepara o suco de laranja e os dois colocam a mesa juntos? Então, não é bem assim que as coisas acontecem. O que acontece é que na vida real, a gente tem horário para entrar no trabalho, um prefere tomar café em casa, outro perde a hora. Acabam tendo mais desencontros do que encontros. E, claro, isso pode influenciar na frequência do sexo em alguns momentos. Por outro lado, os momentos em que estiverem juntos são ainda mais incríveis por causa da saudade!

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

2. Acordar de bom humor (como na época do namoro) não é um hábito diário

Vocês podem já ter dormido juntos antes do casamento e foi tudo uma maravilha, mas o convívio diário é implacável. Em algum momento, o mau humor vai se manifestar e é importante aprender a lidar com esse novo lado do parceiro que você está conhecendo. E você vai perceber que até com a cara emburrada, essa pessoa continuará sendo o amor da sua vida.

3. Ir para a cama juntos nem sempre é uma realidade

Um dos dois pode ficar jogando videogame até tarde ou assistindo a um filme, enquanto o outro está caindo de sono no sofá e resolve ir dormir. Nem sempre vocês vão querer fazer as mesmas coisas, nos mesmo horários. A graça do amor é cada um ter a sua própria vida e escolher todos os dias estarem juntos mesmo assim.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

4. Dormir agarradinho? Só se for nos cinco primeiros minutos

Não há quem consiga dormir de conchinha a noite toda, afinal, todos acabamos nos movimentando durante o sono. Mas uma coisa é fato: a posição é uma delícia para relaxar e começar a adormecer e você ainda descobre que existem outras formas de demonstrar amor além de dormir de conchinha.

5. A intimidade pode ter um lado sombrio

Compartilhar tanta intimidade com a outra pessoa é algo que vem acompanhado de muita cumplicidade e carinho. Porém, tudo tem dois lados e você pode estranhar um pouco ao ver que o parceiro gosta mesmo é de dormir com roupa furada, que acorda descabelado e com bafo. O segredo está em levar tudo com bom humor e apreciar as nuances da vida real.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

6. Às vezes, a casa ficará muito bagunçada

Antes de casar, vocês chegaram a acreditar que a casa estaria sempre em ordem, mas de repente parece que tudo cria vida própria e a bagunça parece se formar quase sozinha. A louça, então, quase brota na pia. Era tudo tão mais fácil na casa dos nossos pais. Mas neste momento o companheirismo surge ainda mais forte e vocês, juntos, superam qualquer desordem.

7. Almoço de domingo nem sempre é caprichado

Para vocês, domingo é dia de cozinhar algo juntinhos, aprendendo coisas novas na cozinha. O problema é que surge aquela preguiça, até que ir àquele fast food ou comer um pastel na feira perto de casa parece a melhor opção no momento. O melhor de tudo é que vocês não se importam com isso, até um miojo parece uma boa escolha ao lado do seu amor.

8. Ir ao mercado deixa de ser legal em pouco tempo

No começo, vocês até se divertem escolhendo o que comprar, levando para a casa muitas guloseimas para comerem juntos assistindo a um filme. Mas essa empolgação não dura muito e logo vocês estarão um jogando para o outro a responsabilidade dessa tortuosa tarefa. Que tal revezar?

9. Você também casa com a família do parceiro

Visitas constantes na sua casa, repletas de palpites afiados sobre a sua vida de casado podem acontecer. Agora, vocês são uma família só e é importante manter uma boa relação com as pessoas próximas ao seu parceiro, mesmo que isso exija muita paciência. Entenda que as famílias só querem o bem de vocês nessa nova fase.

10. Vocês vão discutir a relação... e tudo bem

Tem gente que treme só de pensar em falar sobre a relação, mas quando você passa a dividir o mesmo teto com o seu parceiro (a) é preciso aparar algumas arestas, impor alguns limites e até aumentar a tolerância para algumas coisas. Isso faz parte da rotina do casal e pode evitar futuros contratempos. Afinal, por mais que a gente tenha prometido estar junto na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, ainda não viemos com manual de instrução. Por isso o diálogo é fundamental.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)