Minha Vida - Saúde, Alimentação e Bem-Estar

Bebês que não engatinham podem ter problemas de aprendizado

Segundo estudo, tal dificuldade está ligada à coordenação motora e emocional da criança

Por Minha Vida - publicado em 24/02/2010


Pais e mães esperam ansiosos pelos primeiros passinhos de seus bebês, porém, nem sempre os pequenos começam engatinhar na idade certa e, segundo um estudo do Instituto de Educação da Universidade de Londres, na Inglaterra, a incapacidade de engatinhar ou de sentar-se aos nove meses estaria ligada a problemas futuros de aprendizado e comportamento.

Os pesquisadores acompanharam 15 mil crianças durante os cinco primeiros anos de vida. Realizaram ainda uma série de testes simples com bebês de nove meses para verificar suas habilidades motoras e concluíram que atrasos nesse quesito afetaram cerca de 10% deles, que tiveram aumento significativo do risco de ficar para trás na escola aos cinco anos e de demonstrar comportamento anti-social.  

Os pesquisadores admitem que cada criança tem um ritmo diferente e pode ou não superar o atraso nos progressos motores, porém, os resultados dos testes são muito claros:

96% dos alunos que tiveram excelente desempenho escolar foram bebês capazes de sentar-se sem apoio, 92% deles engatinharam antes dos nove meses, 69% levantaram-se segurando em um apoio, 4% deram seus primeiros passos mais rapidamente que os demais e 95% conseguiam engatinhar e passar um brinquedo de uma mão para a outra sem desequilibrar. 

Novos estudos ainda serão realizados para saber se a relação entre engatinhar e desempenho escolar é mesmo considerável, porém, os pesquisadores acreditam que estes primeiros resultados já são significativos para entender o desenvolvimento escolar das crianças a partir de suas limitações motoras na primeira infância. 


Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Shopping Vida Saudável

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."