PUBLICIDADE

Dieta é importante tanto quanto exercícios para grávidas acima do peso

Segundo estudo, o mais eficiente é a dieta rica em frutas, verduras e grãos integrais

Em 22/5/2012
Redação
Escrito por Redação
Redação Minha Vida

Pesquisa britânica revela que fazer uma dieta balanceada é ainda mais eficiente do que exercícios físicos para mulheres acima do peso não engordarem demais na gravidez. A pesquisa foi baseada em 44 estudos com dados de mais de sete mil mulheres e foi publicada no British Medical Journal.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Antes, o sistema de saúde britânico recomendava que gestantes não fizessem dieta, pois isso poderia prejudicar o bebê. O estudo, porém, concluiu que o peso do recém-nascido não é afetado pela dieta.

Os pesquisadores compararam grávidas que adotaram uma dieta balanceada com dois grupos: um com mães que praticaram exercícios físicos e outro com mulheres que combinaram dieta e atividade física. As mulheres foram analisadas quanto ao peso que ganharam durante a gestação e se sofreram complicações.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Todos os métodos colaboraram para evitar o ganho de peso nas gestantes, mas o mais eficaz foi a dieta com restrição calórica, rica em frutas, verduras e grãos integrais. As gestantes que fizeram só dieta ganharam em média quatro quilos a menos do que grávidas que não evitaram o ganho de peso, contra 0,7 quilos das que fizeram atividades físicas e 1 quilo das que combinaram os dois.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Os especialistas alertam que a prática de exercícios não deve ser descartada da rotina da gestante. Especialistas em saúde da mulher do hospital St Thomas, em Londres, disseram que ainda é cedo para mudar as atuais diretrizes do sistema de saúde britânico.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Gravidez e obesidade

Um dos receios mais comuns das grávidas é ganhar peso demais durante a gestação e, pior ainda, manter os quilos extras depois do parto. Para evitar o problema, o ortopedista. Ricardo Cury, da Sociedade Brasileira de Ortopedia, e a nutricionista Mariana Del Bosco Rodrigues, da Abeso (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica), orientam as mulheres que não querem ganhar muito peso na gravidez. "É importante dissuadir-se da ideia de que é preciso comer por dois", diz Mariana. Aumentar de nove a 12 quilos é normal. Ganhar um peso muito além disso pode ser ruim tanto para mãe quanto para o bebê.

E nada de parar a ginástica. "Basta adaptar os exercícios à sua nova condição", afirma Cury. Ele explica que a grávida pode até fazer musculação, por exemplo, desde que preserve o corpo de grandes impactos. Prefira exercícios leves, para não perder o tônus, e muito alongamento para manter o equilíbrio, que será afetado com o novo peso na barriga, favorecendo problemas de coluna. A seguir, confira 10 dicas que essa dupla de profissionais recomenda as futuras mamães passarem os nove meses esbanjando saúde.