Stand up paddle fortalece barriga, pernas e melhora a postura

O esporte também protege as articulações e é bom para o sistema cardiorrespiratório

POR BRUNA STUPPIELLO - ATUALIZADO EM 03/01/2017

Cada vez mais comum nas praias, o Stand up paddle é o esporte que envolve o uso de uma prancha e um remo para se locomover no mar, rio, lago ou até piscina. O movimento é realizado em pé. Trata-se da atividade com prancha que mais cresce no mundo. Os registros mais expressivos da prática são do Havaí, na praia de Waikiki, em meados da década de 1940. O esporte chegou no Brasil há sete anos e logo conquistou muitos praticantes.

Afinal, os benefícios do esporte envolvem desde a queima de calorias e tonificação do abdômen e pernas até a sensação de bem-estar. Ele ainda pode ser praticado por boa parte das pessoas, inclusive os mais velhos. Conversamos com especialistas e listamos os principais pontos positivos e cuidados necessários ao realizar este esporte.

Melhora o equilíbrio e a postura

Uma das questões mais trabalhadas pelo Stand up paddle é o equilíbrio, mesmo com a prancha mais larga e que permite maior flutuação que as tradicionais pranchas de surf. Ao melhorar este ponto, o risco de quedas diminui. "Quando a pessoa treina o equilíbrio, ela consequentemente melhora a postura, o que reduz a incidência de dores no corpo em decorrência das posições erradas", conta o educador físico Salvador Lamas, da Academia Bodytech.

Além disso, como o esporte atua bastante na musculatura das costas, ele contribui para que ao remar a pessoa deixe os ombros mais abertos.