Trabalhe a resistência muscular localizada para completar provas longas

A musculação é aliada dos atletas que buscam aumento de performance

POR MINHA VIDA - PUBLICADO EM 11/07/2008

A fadiga muscular é uma surpresa amarga, que desanima muito corredor. Às vezes, a falta de preparo adequado nem é notada no treino, mas quando chega o dia da prova. Um deslize que causa tristeza e que poderia ser facilmente evitado com um bom trabalho de resistência, aliado aos treinos aeróbios.

A musculação traz múltiplos benefícios para quem treina corrida, desde evitar lesões até permitir a realização de trechos mais longos e difíceis. Pernas mais fortes encaram com presteza as ladeiras tão comuns nas provas de rua, por exemplo. Veja abaixo o que você ganha, combinando o programa de corrida a uma série de musculação:

1. A recuperação dos músculos trabalhados durante o treino consome muitas calorias. Se você treina para emagrecer, vai enxugar a silhueta mais cedo do que imagina;

2. Suas pernas ficam mais fortes, respondendo com mais vigor ao treino. Em bom português: você passa a correr mais rápido;

3. Suas articulações ficam mais protegidas contra lesões;

4. Aumenta a sua resistência para trechos difíceis. Por isso, faça séries mais longas em vez de aumentar o peso das cargas;

5. Trabalha a consciência corporal. Execute os exercícios lentamente, prestando atenção nos movimentos.

6. Educa a respiração, melhorando o seu rendimento. Solte o ar quando for fazer força e inspire quando estiver relaxando.

7. Retarda a fadiga durante o treino e as provas

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não