Graviola pode ajudar a tratar câncer de pulmão

Substância presente na fruta inibe a formação e proliferação de tumores

POR MINHA VIDA PUBLICADO EM 14/09/2009

Estudos realizados pelo Health Sciences Institute (Instituto de Ciências e Saúde dos Estados Unidos) revelam que a graviola tem ação citotóxica em células cancerígenas, principalmente as que se localizam no pulmão, ou seja, são capazes de inibir a formação de tumores nessa região.

Pesquisadores afirmam que a ação de um acetogenino presente na fruta tem efeito citotóxico dez vezes superior ao efeito da droga quimioterápica adriamicina. Segundo eles, isso se dá porque o acetogenino é um dos mais eficazes inibidores do Complexo I, responsável pela formação e transporte de elétrons, que fazem parte da composição de tumores.

Diversos estudos têm sido realizados para comprovar a eficácia da ingestão da fruta no combate de outros tipos de câncer, como o de mama, mas até agora, sua ação só foi comprovada no combate do câncer de pulmão.

Os pesquisadores esperam que o tratamento auxiliar, a base da fruta amazônica, possa se tornar realidade em todos os centros de combate a doença, pois, segundo eles, é um tratamento menos nocivo e bastante eficaz. 

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não