Minha Vida - Saúde, Alimentação e Bem-Estar

Saiba como evitar a dor de estômago no dia seguinte a banquetes

Suco de couve, abacaxi, mamão e chá verde amenizam o desconforto estomacal

Por Minha Vida - publicado em 03/01/2011


Todo mundo adota alguns dias no ano para escapar da dieta e e comer até não poder mais. Seja nas ceias de Natal, em um rodízio de pizzas, em um aniversário repleto de bolo e salgadinhos, na despedida de um colega, etc. Apesar dos prazeres que um bom banquete pode proporcionar, poucas pessoas escapam de suas consequências, entre elas a famosa dor de estômago do dia seguinte.

Para reduzir as chances desse incômodo, o gastroenterologista Mário Kondo diz que o primeiro passo é evitar fumar, ingerir bebidas alcoólicas e consumir comidas gordurosas em excesso. A responsável pela equipe nutricional do Minha Vida, Roberta Stella, explica que as gorduras, presentes em itens como óleo, creme de leite e manteiga, são os nutrientes com a maior dificuldade de digestão. As carnes gordas também devem ser restringidas por quem quer passar longe da má digestão. Alimentos ricos em carboidratos, como arroz, massas, pães, frutas e legumes, são digeridos mais facilmente. 

Suco de couve, abacaxi, mamão e chá verde amenizam o desconforto estomacal

A gastroenterologista da Universidade Federal de São Paulo Luciana Lobato alerta ainda quanto ao consumo exacerbado de líquidos, que fazem com que o estômago inche. Além de distender o órgão, as bebidas - especialmente refrigerantes e águas com gás - diluem enzimas que atuam no processo digestivo. Por isso, é recomendado um limite de um copo de 200 ml por refeição.

Outra atitude a ser eliminada é deitar logo depois das refeições. "Nunca deve-se assumir a posição horizontal depois de comer, seja a hora que for. Perder a ação da gravidade facilita o refluxo esôfago gástrico, especialmente, se o estômago estiver cheio", explica Kondo.

Quando o estrago já está feito
Caso você não tenha tomado nenhum desses cuidados durante a comilança, há algumas receitas caseiras que podem amenizar o desconforto estomacal. Segundo Kondo, beber leite gelado pode reduzir a dor, mas só por alguns instantes. O leite possui proteínas que neutralizam os ácidos do estômago. 

Saiba como evitar o desconforto estomacal

Outra alternativa é o suco de couve, utilizado para combater a úlcera de estômago. Os médicos reconhecem os efeitos da planta contra a acidez. Isso se deve às fibras presentes nas folhas, que protegem a mucosa gástrica contra o excesso de ácido clorídrico. Para aumentar os efeitos do suco, tome-o sem coar. E não use leite no preparo.

Chás também podem ajudar. A nutricionista funcional Daniela Jobst aconselha o consumo de chá verde, de alecrim e de hortelã. O ideal é que uma xícara seja tomada dez minutos antes da refeição. É importante que a bebida não seja adoçada ou, se for imprescindível, utilize um adoçante natural. 

De acordo com Daniela, o abacaxi, por causa de uma enzima natural chamada bromelina, pode contribuir para a melhor digestão de proteínas, principalmente das carnes. O mamão, que tem um nutriente denominado papaína, também pode colaborador. A especialista diz que uma fatia dessas frutas como sobremesa é suficiente para notar suas ações.

Se, apesar disso tudo, o incômodo persistir, Luciana aconselha procurar um especialista. Quando nem mesmo os remédios para azia fazem efeito, é sinal de alerta, diz. Outros sintomas alarmantes são perda de peso, eliminação de sangue ao evacuar e anemia, que podem indicar algum tipo de doença. 



Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Shopping Vida Saudável

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."