Minha Vida - Saúde, Alimentação e Bem-Estar

Saúde do sistema circulatório reflete diretamente na longevidade

Sedentarismo e tabagismo são responsáveis por vários problemas nas artérias

Por Especialista - publicado em 18/05/2011


As doenças cardiovasculares como o infarto do miocárdio e o acidente vascular cerebral (derrame) são a principal causa de morte em adultos em nossa sociedade. Sabendo disso, falar que "O homem tem a idade das suas artérias" não é nem de longe um conceito errado. A frase entre aspas, de autoria incerta, reflete algo já sabido há muitos anos: A saúde do sistema circulatório reflete diretamente na longevidade do indivíduo, bem como em sua qualidade de vida.

Todos nós já ouvimos que o corpo humano é como "uma máquina das mais belas e complexas que existem". Essa comparação, um tanto quanto poética, tem algumas verdades embutidas. A maioria de nós tem a felicidade de nascer com plena saúde, sem doenças congênitas. Nosso corpo, quando jovem, é marcado pelo vigor e pela manifestação da saúde de todos os órgãos e sistemas e pelo bem-estar que isto gera. Porém, da mesma forma que máquinas, nosso corpo também é sujeito aos desgastes do tempo, e também requer zelo e cuidados para que sua duração seja prolongada e a qualidade de seu funcionamento preservada. 

Sistema Circulatório

O sistema circulatório está presente em todos os pontos de nosso organismo. É formado por vasos de calibres que vão de 2,5 centímetros de diâmetro até capilares de milésimos de milímetro. Se todos os vasos sanguíneos de um único corpo humano fossem posicionados de ponta a ponta, teriam dezenas de milhares de quilômetros de comprimento. Nesses vasos correm aproximadamente 5,8 litros de sangue (para uma pessoa de 75 kg). Os vasos podem ser divididos em artérias e veias. As artérias, objeto desta matéria, são responsáveis por levar o sangue rico em oxigênio em nutrientes até cada célula de nosso corpo.

Uma vez explicado o papel das artérias em nosso organismo, é bastante fácil deduzir que quando estas estão doentes, seu impacto pode atingir todo o organismo. 

Aterosclerose

Nosso corpo também é sujeito aos desgastes do tempo, e também requer zelo e cuidados para que sua duração seja prolongada

A aterosclerose é um processo degenerativo da parede das artérias, semelhante a uma "placa de gordura" que provoca um estreitamento ou fechamento completo do vaso. Com isto, a circulação sofre uma interrupção, que em situações extremas pode levar a morte das células naquele ponto. Por exemplo, a interrupção severa da circulação nas artérias da perna pode levar a gangrena. As causas da aterosclerose já são bastante conhecidas pela população em geral:

- Hipertensão arterial: Pode ser chamada também de pressão alta. Ela leva a um estresse físico sobre a parede arterial, provocando lesões nas suas camadas internas que predispõe à formação das placas de ateroma

- Diabetes: Uma doença bastante agressiva também para o sistema circulatório. Provoca tanto a calcificação dos vasos maiores quanto a obstrução dos microvasos sanguíneos (chamado de microangiopatia). Um paciente diabético tem 50 vezes mais chance de vir a sofrer uma amputação das pernas que indivíduos sem a doença.

- Tabagismo: O hábito de fumar já e frequentemente associado ao câncer de pulmão. Mas as artérias também são alvos principais, e são atingidas nos mais diversos territórios, como no coração, pernas e artérias que irrigam o cérebro.

- Dislipidemias: O chamado colesterol alto também é um elemento conhecido por provocar o aparecimento de placas de ateroma. 

Mantendo suas artérias jovens

Os cuidados básicos para a saúde do sistema circulatório são os já conhecidos dentro do conceito de vida saudável

- Dieta Equilibrada: Em essência, são dietas ricas em fibras, verduras, frutas, cereais integrais, carnes magras e com conteúdos reduzidos de gorduras saturadas, sal e açúcares. Existem milhares (para não dizer milhões) de artigos na internet sobre o assunto. Mas o ideal é buscar orientação individualizada com um profissional nutricionista.

- Não fumar: O ideal é nem começar. Para quem já fuma, existe ajuda para abandonar o vício, como medicamentos, goma de mascar e adesivos. Um clínico geral pode te ajudar. 

  • Controle de fatores de risco: Quem já é portador de hipertensão arterial, diabetes e colesterol alto deve compreender que o controle destas doenças é essencial para evitar suas complicações. Orientação médica regular e continuada é a melhor estratégia para controlá-las.
  • Exercícios físicos: Além dos benefícios orgânicos, promovem uma agradável sensação de bem-estar e melhoram o humor. Dependendo de sua idade, convém procurar orientação médica antes de iniciar sua vida de atleta. Como existem milhares de opções, um educador físico pode te ajudar a escolher a melhor atividade para você.
  • Cuide de suas artérias e elas lhe retribuirão com uma vida longa e saudável.


Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Shopping Vida Saudável

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."