Estresse no trabalho aumenta risco cardíaco

O problema não é só a tensão da rotina, mas os hábitos nocivos associados a ela

POR MINHA VIDA - ATUALIZADO EM 25/09/2012

Um estudo que revisou 13 trabalhos europeus descobriu que ter um emprego altamente exigente, mas pouco controle sobre ele, pode ser uma combinação perigosa para a saúde do coração. Para a British Heart Foundation, a principal questão não é o emprego em si, mas como o indivíduo lida com o estresse do dia a dia. A análise foi feita por um time de especialistas da University College London, no Reino Unido.

Ao todo, a pesquisa envolveu 200 mil pessoas. Todos foram questionados sobre se o tempo de trabalho era suficiente para realizar suas tarefas ou não e sobre a liberdade que tinham de tomar decisões. Os participantes foram classificados, então, como sendo vítimas do estresse do trabalho ou não e acompanhados por cerca de sete anos.

Os resultados mostraram que a tensão no trabalho estava associada a um risco 23% maior de ataques cardíacos e mortes por doenças coronarianas. Segundo os pesquisadores, 3,4% dos casos poderiam ser evitados se os funcionários aprendessem a lidar com a rotina agitada. O risco de ter um ataque cardíaco ou uma doença coronariana ainda cairia 36% se todos parassem de fumar.

Vale ressaltar que quem não saber lidar com o estresse geralmente cultiva hábitos de vida prejudiciais, como fumar, pular refeições e ser sedentário. É preciso lembrar, entretanto, que esse estilo de vida favorece ainda mais a tensão e problemas do coração.

Aprenda a lidar com o estresse

Até certo ponto, o estresse pode ser considerado positivo. Ele estimula a concentração, deixa os sentidos aguçados e faz você trabalhar mais. Por outro lado, quando ele atrapalha seu sono e não te larga nem mesmo nas férias, certamente se tornou um problema. Confira a seguir alguns métodos para relaxar de maneira rápida e eficaz.

1. Veja um vídeo divertido
Os níveis dos hormônios cortisol e adrenalina, relacionados ao estresse, diminuem muito quando você dá risada, de acordo com um estudo realizado pela Loma Linda University, nos Estados Unidos. Melhor ainda é saber que os benefícios do momento de descontração podem durar de 12 a 24 horas.

2. Beba chá
Tomar chá preto ajuda a reduzir os níveis de cortisol em até 47%, afirma um estudo feito pela University College London, no Reino Unido. Lembre-se, entretanto, que a bebida contém cafeína, cujo limite de consumo diário deve ser de até 300 mg por dia. Cada 50 ml do chá preto contêm 10 mg de cafeína.

3. Extravase
Outra maneira eficaz de se livrar do estresse é cantando. Escolha sua música preferida e solte a voz. Além de descontrair, você para de pensar um pouco nos problemas e se mantém focada em um assunto prazeroso.

4. Coma algo doce e saudável
Aqui vai mais um motivo para consumir frutas: elas aumentam os níveis de glicose no sangue, proporcionando a sensação de bem-estar. O chocolate não é recomendado para a situação, já que eleva a glicemia, mas logo faz com que essa taxa sofra uma queda brusca.

Não deixe de consultar o seu médico. Encontre aqui médicos indicados por outras pessoas.
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não