Mais bactérias bucais, maior o risco de ataque cardíaco

Duas espécies de bactérias apresentaram associação significante com maior risco da doença

Os pesquisadores estão cada vez mais perto de definir a relação entre os organismos que causam doença periodontal e o desenvolvimento de doença cardíaca. Diversos estudos sugeriram existir uma conexão entre as duas; entretanto, poucos testaram a teoria.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Um estudo conduzido por pesquisadores na Universidade Estadual de Nova York, Buffalo (UB), mostrou recentemente que dois patógenos orais presentes na boca estavam associados com um risco aumentado de ataque cardíaco, mas que o número total de germes - independentemente do tipo - era mais importante para a saúde cardíaca.

Continue lendo no site de Colgate.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)