PUBLICIDADE

Cuidados ao entrar em contato com um recém-nascido

Todos familiares devem adotar hábitos de higiene constantes principalmente no primeiro mês de vida

A imprensa brasileira repercutiu recentemente o caso (raro!) da morte de um bebê americano de 18 dias que recebeu um beijo de um familiar. Isso não é comum, e os pais podem ficar tranquilos. Mas algumas orientações quanto aos cuidados com os recém-nascidos são importantes.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Consideramos recém-nascida a criança até o 28º dia de nascimento. Este é o período mais ?crítico? sob todos os pontos de vista. Sobretudo no que diz respeito a fragilidade e a saúde dos bebês.

Recém-nascidos têm a saúde delicada porque, durante o período de gestação, recebe todos os nutrientes necessários à sua sobrevivência de sua mãe, através da placenta. Juntamente com estes nutrientes, recebe anticorpos que o protegerão parcialmente contra vários germes da natureza. Após o parto ocorre a interrupção deste sistema de proteção, passando o bebê a produzir gradualmente seus próprios anticorpos, o que o deixa altamente vulnerável às infecções em geral, mesmo as mais banais para crianças maiores e adultos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Nos primeiros anos, toda criança estará em processo de produção dos próprios anticorpos, com baixa de imunidade, o que só vai ser bem corrigida a partir dos 3 anos de idade, quando a criança já responde bem aos diversos germes invasores da natureza.

Todo cuidado é pouco. Desaconselho absolutamente qualquer contato com o bebê nas primeiras 4 semanas de vida e, a partir desse período, podemos liberar lenta e progressivamente o contato com parentes e amigos. Claro que pais, avós, irmãos e até mesmo cuidadores/as terão mais proximidade, e isso é compreensivelmente natural. No entanto, todos devem adotar hábitos de higiene constantes neste primeiro mês de vida, como lavar bem as mãos e higienizá-las com álcool gel antes de manipular o bebê.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Não se deve evitar o carinho, a aproximação e o beijo que dispensamos aos nossos bebês. Porém, é bom saber que mesmo uma infecção leve para nós adultos pode apresentar-se de forma muito grave nos recém-nascidos. Como disse no início, os bebês têm baixa imunidade e é preciso ter bastante cuidado com eles.