PUBLICIDADE

Espirrou por quê?

Se quer se livrar correndo da coriza, dos espirros e da dor-de-cabeça, então responda rápido: o que você tem é gripe ou resfriado? Quem demorou pensando ou acha que gripe e resfriado não passam de dois nomes para a mesma doença, melhor ficar alerta. "Apesar de provocarem mal-estares semelhantes, trata-se de doenças diferentes e que, portanto, merecem cuidados específicos", afirma o o infectologista da Universidade Federal de São Paulo, Paulo Olzon. Das causas ao tempo de duração, passando pelos sintomas e tratamentos, veja abaixo todos os detalhes sobre os dois problemas e saiba como se livrar deles de forma eficiente.Respirou, pegou
Os dois problemas são transmitidos através do ar e provocadas por ação viral ? no caso do resfriado, mais de 200 tipos de vírus podem acabar com os ânimos de qualquer um. Já na gripe, um vírus em constante evolução é o responsável pelo mal-estar por todo o corpo.

Sintomas ? a solução do enigma
Aqui está o xis da questão: o resfriado prejudica apenas as vias respiratórias, causando inconvenientes como coriza, tosse e falta de ar. Já sintomas como febre, dor-de-garganta e, até mesmo, diarréia sinalizam que a gripe é a vedete da vez. "Como atinge o corpo todo, o risco de complicações também é maior nesse caso. Uma gripe mal tratada, por exemplo, pode até se transformar em pneumonia", alerta o médico. Nem máscara para prevenir
Por serem transmitidas através do ar, é difícil evitar a gripe e o resfriado. É também por esta razão que a incidência das duas doenças é maior no inverno, quando as pessoas tendem a se aglomerar em ambientes fechados ? ótimos meios para a propagação do vírus. Daí, a dica: sempre que possível, tente deixar ao menos uma janela aberta para que o ar circule, diminuindo as chances de contágio. Resfriado não vira gripe
Como são causadas por vírus diferentes, uma doença não evolui e se transforma na outra. Mas, por causa da debilitação imunológica originada pelo resfriado, é comum que ele seja sucedido pela gripe. Para evitar isso, seguir as recomendações médicas é fundamental ? mesmo quando os sintomas já não incomodam tanto. Aposente a caixinha de lenços
"Por serem doenças virais, não há como combater a causa da gripe ou do resfriado", explica o infectologista da Unifesp. "Os tratamentos são focados no alívio dos sintomas, o que conseguimos de forma bastante eficaz com analgésicos e antitérmicos." Cronologia do espirro
Os sintomas devem acabar dentro de uma semana, em média. No entanto, os fumantes, por terem uma resistência respiratória menor, apresentam os sintomas por mais tempo ? dez dias, normalmente. "Prazo maior do que esse é motivo de preocupação e, por isso, o paciente não deve hesitar em buscar ajuda médica", alerta o especialista.









NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)