Apraxia: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Apraxia?

Sinônimos: apraxia verbal, dispraxia, distúrbio da fala - apraxia, apraxia infantil da fala, apraxia da fala, apraxia adquirida

Apraxia é uma condição neurológica em que a pessoa é incapaz de realizar voluntariamente movimentos motores mesmo que seus músculos estejam normais e ela saiba como fazer o movimento.

PUBLICIDADE

Tipos

A apraxia pode ocorrer de diferentes formas, são elas:

Apraxia orofacial ou bucofacial

Pessoas com essa condição são incapazes de realizar voluntariamente determinados movimentos que envolvem os músculos faciais.

Apraxia membro-cinética

Afeta a capacidade da pessoa de mover intencionalmente braços e pernas.

Apraxia ideacional

A pessoa não consegue fazer tarefas complexas na ordem correta, uma dificuldade poderia ser colocar a meia antes do sapato, por exemplo.

Apraxia ideomotora

A pessoa é incapaz de realizar tarefas aprendidas quando recebe os objetos necessários para ela. Por exemplo, ela pode usar uma chave inglesa como uma caneta.

Apraxia da fala

Condição em que a pessoa acha difícil ou impossível mover sua boca ou língua para falar. Isso ocorre mesmo quando a pessoa tem o desejo de falar e os músculos da boca e língua são capazes de formar palavras. Existem duas formas de apraxia da fala. A apraxia adquirida pode ocorrer em qualquer idade e faz com que a pessoa perca a capacidade da fala que tinha antes. Já a apraxia de desenvolvimento está presente desde o nascimento e afeta a capacidade da criança para formar sons e palavras.

Causas

A causa da apraxia são danos no cérebro. Sendo que os problemas mais comuns que levam a ela são:

  • Tumor cerebral
  • Doenças neurodegenerativas, que provocam uma piora gradual do cérebro e do sistema nervoso
  • Demência
  • AVC
  • Traumatismo crânio-encefálico.

É comum que a apraxia da fala ocorra com uma outra doença chamada afasia. Dependendo da causa da apraxia, uma série de outros problemas cerebrais ou do sistema nervoso podem estar presentes.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Sintomas

Sintomas de Apraxia

Uma pessoa com apraxia não tem a capacidade de fazer os movimentos musculares corretos. Às vezes, uma palavra ou ação completamente diferente do que a pessoa pretendia dizer ou fazer pode ocorrer. A pessoa sempre está ciente do erro.

Sintomas da apraxia da fala:

  • Distorcer e repetir palavras ou sons ou ficar sem fala. A pessoa tem dificuldade em colocar as palavras na ordem correta
  • Dificuldade em pronunciar a palavra certa
  • Maior dificuldade em dizer palavras mais compridas
  • Melhor capacidade de escrever do que de falar
  • Uso excessivo de formas não verbais de comunicação
  • Problema com coordenação e habilidades motoras finas.

Sintomas de outras formas de apraxia:

  • Apraxia orofacial ou bucofacial: Incapacidade de fazer movimentos da face quando pedido, como lamber os lábios ou piscar
  • Apraxia ideacional: Incapacidade de aprender tarefas na ordem necessária, como colocar primeiro a meia e depois o sapato
  • Apraxia ideomotora: seus sintomas consistem na incapacidade de realizar uma ação com o objeto correto para ela. Por exemplo, caso receba uma chave de fenda a pessoa pode tentar usá-la como uma caneta
  • Apraxia membro-cinética: a pessoa não consegue fazer movimentos precisos com os braços e pernas, como uma dificuldade para abotoar uma camisa ou calça.

Frustração e depressão são respostas típicas das pessoas com qualquer tipo de apraxia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Entre em contato com o seu médico se alguém tiver dificuldade para realizar tarefas diárias ou tem outros sintomas de apraxia após um acidente vascular cerebral ou outra lesão cerebral.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar uma apraxia são:

  • Clínico geral
  • Neurologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando os seus sintomas começaram?
  • Quais são os seus sintomas?
  • Você já teve algum problema neurológico?

Diagnóstico de Apraxia

Alguns exames ajudam a diagnosticar a apraxia, são eles:

  • O eletroencefalograma é uma alternativa para descartar a epilepsia como a causa da apraxia
  • A punção lombar também pode ser realizada a fim de observar se há uma inflamação ou infecção que afeta o cérebro
  • Uma ressonância magnética ou tomografia computadorizada pode ser feita a fim de descobrir se há algum tumor, acidente vascular cerebral ou lesão cerebral.

O fonoaudiólogo irá diagnosticar a apraxia da fala. Não existe um exame específico para descobrir a condição. O profissional pode realizar uma série de testes. Como pedir para que o paciente recite uma lista de palavras e interagir como o paciente a fim de avaliar quais silabas ou palavras são mais difíceis. No caso da apraxia da fala adquirida os exames mencionados acima também podem ser pedidos. É importante que o profissional observe se a pessoa apresenta outros sintomas da apraxia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Apraxia

As pessoas com apraxia podem se beneficiar do tratamento de uma equipe de cuidadores, composta por: membros da família, terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo. É mais indicado procurar profissionais com experiência no tratamento da apraxia

Tratamentos da apraxia da fala incluem:

  • Repetir sons diversas vezes a fim de ensinar o movimento para a boca
  • Retardar o discurso da pessoa
  • Ensinar diferentes técnicas para ajudar na comunicação.

É importante ficar atento para a possibilidade da pessoa desenvolver depressão e caso desenvolva o problema, o tratamento da condição é necessário.

Nos casos de outras apraxias é orientado:

  • Fazer com que a pessoa fique em um ambiente tranquilo
  • Reservar um tempo para mostrar a pessoa com apraxia como se faz uma determinada tarefa e permitir que ela tenha seu próprio tempo para realizar tal tarefa
  • Sugerir formas alternativas de lidar com determinada tarefa pode ser interessante.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Diante de uma pessoa com apraxia é importante ter algumas atitudes:

  • Evite dar direções complexas
  • Para evitar mal entendidos, utilize frases simples
  • Fale em um tom de voz normal, lembre-se que que a apraxia pode afetar a fala e não a audição
  • Não conclua que a pessoa entendeu o que foi dito
  • Forneça papel, caneta ou outros mecanismos para auxiliar a comunicação da pessoa.

Algumas pessoas com apraxia podem não ser capazes de realizar determinadas tarefas cotidianas. Por isso, pergunte ao médico quais atividades podem e quais não podem ser seguras. Evite atividades que possam causar lesões e tome as medidas de segurança adequadas a fim de evitar problemas.

Complicações possíveis

  • A pessoa pode ter problemas de aprendizagem
  • A baixa autoestima também pode ocorrer
  • A pessoa pode ter problemas sociais
  • A pessoa pode desenvolver depressão.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Prevenção

Prevenção

Tomar atitudes a fim de reduzir os riscos de um acidentes vascular cerebral e outras lesões no cérebro irão prevenir alguns tipos de apraxia.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Fontes e referências

  • Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos