Ceratose actínica: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Ceratose actínica?

Sinônimos: ceratose solar, alterações de pele induzidas pelo sol - ceratose, ceratose - actínica (solar)

Ceratose actínica, também chamada de queratose solar e queratose senil, é uma lesão pré-maligna. Geralmente as lesões são múltiplas e apresentam escamas secas, aderentes, duras ou ásperas. As queratoses estão incluídas entre as dermatoses pré-malignas que podem, eventualmente, se transformarem em câncer da pele. São lesões caracterizadas por manchas amareladas, acastanhadas, escuras ou escamas e estão localizadas principalmente em áreas expostas ao sol, como a face, couro cabeludo, braços e dorso das mãos.

PUBLICIDADE

A ceratose actínica aparece geralmente em indivíduos de pele clara e/idosos, e em áreas foto expostas de pessoas que sofrem exposição solar excessiva.

Tipos

A ceratose actínica é dividida em:

  • Ceratose actínica hiperqueratótica ou hiperceratótica
  • Ceratose actínica pigmentada
  • Ceratose actínica liquenóide
  • Ceratose actínica atrófica.

O diferencial de cada um dos tipos da ceratose actínica se dá com a história clinica e com o resultado da biópsia.

Causas

As lesões da ceratose actínica podem aparecer após radiação ionizante como no caso de pessoas que trabalhem com piche e carvão. A ceratose actínica arsenical se dá por ingestão de água contaminada ou inseticida. A ceratose actínica radioterápica, como o próprio nome diz, é causada por radioterapia. Já a queratose tóxica aparece em quem tem contato com alcatrão de hulha, coalhar ou antralina.

Fatores de risco

Os fatores de risco para a ceratose actínica incluem:

  • Exposição solar excessiva
  • Envelhecimento
  • Contato com carvão, piche, alcatrão de hulha, inseticida, coalhar e hidrocarbonetos.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Sintomas

Sintomas de Ceratose actínica

Os principais sintomas da ceratose actínica são: lesões em áreas de exposição direta: face, principalmente orelha e lábio inferior, couro cabeludo e mãos. Fora isso, a ceratose actínica geralmente é assintomática. O médico deve ser procurado quando há sangramento.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

O aparecimento de lesões avermelhadas na pele, às vezes com elevações, escamas duras, ásperas, amareladas ou castanho-escuras, são fatores que devem levar à busca imediata de um médico dermatologista. As lesões da ceratose actínica podem apresentar uma espécie de “chifre”.

Diagnóstico de Ceratose actínica

O diagnóstico da ceratose actínica é clinico e feito através de biópsia da lesão.

Exames

Os exames para diagnóstico e acompanhamento da ceratose actínica são os dermatoscópicos e clínicos.

Dermatoscopia é o principal exame para diagnosticar esse problema. Ele é feito com um aparelho chamado dermatoscópio. Com ele, consegue-se visualizar lesão com aumento de 40 vezes. A dermatoscopia nos permite avaliar o tamanho, as cores, as estruturas, a simetria (ou não) desta lesão. A partir dessa avaliação encaminha-se ou não para a biópsia que é um meio de se fazer diagnóstico e tratamento da lesão, que pode ser uma ceratose actínica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Ceratose actínica

Nas lesões superficiais da ceratose actínica pode ser feita crioterapia com ou sem curetagem prévia. O tratamento é feito com nitrogênio líquido a -196°C. É uma técnica que resfria uma parte do corpo utilizando-se cremes ou aparelhos específicos, em geral utiliza-se nitrogênio líquido aplicado por meio de pistola spray. O dermatologista vai indicar quantas sessões serão necessárias, em geral inferior a 20 minutos cada aplicação.

Nas lesões infiltradas da ceratose actínica normalmente é feita curetagem e eletrodessecção. Já nas lesões múltiplas da ceratose actínica pode ser usado o 5-fluoracil, um creme de uso tópico, com aplicação diária. A dosagem e o período de tratamento são estabelecidos pelo dermatologista caso a caso. Outra técnica é a terapia fotodinâmica, que utiliza LED laser de baixa potência para ampliar o efeito do ativo colocado na lesão.

Medicamentos para Ceratose actínica

Os medicamentos mais usados para o tratamento de ceratose actínica são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Para evitar as complicações decorrentes da ceratose actínica, é importante sempre usar filtro solar, chapéus, óculos escuros e hidratação labial. O paciente deve evitar exposição direta ao sol mesmo com proteção.

Complicações possíveis

A ceratose actínica não tratada ou tratada tardiamente pode causar evolução para transformação carcinomatose, ou seja, quando há transformação da lesão em neoplasia, ou seja, são os cânceres de pele.

Entre eles, o carcinoma escamocelular é a transformação mais frequente da ceratose actinica, sua incidência chega em até 10%. O carcinoma escamocelular, 40% a 60% são originados da ceratose actínica não tratada. De 2% a 10% invadem órgãos internos oferecendo risco de morte ao paciente.

Expectativas

As ceratoses actínicas tratadas a tempo são 100% curáveis. No entanto, é necessário estar atento a própria pele e buscar ajuda médica o mais cedo possível.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Prevenção

Prevenção

A melhor forma de prevenir o aparecimento da ceratose actínica é evitar exposição solar, e sempre que possível, usar filtro solar nas áreas expostas. Além disso, é de grande importância a visita periódica ao dermatologista.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Fontes e referências