Costocondrite: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Costocondrite?

Sinônimos: dor na parede do tórax

Costocondrite é uma inflamação na cartilagem que conecta uma costela ao esterno ou da própria costela. Esta condição leva a dores no peito semelhantes a de um ataque cardíaco ou outros problemas cardíacos. Quando está acompanhada de inchaço, a condição é chamada de Síndrome de Tietze.

PUBLICIDADE

Causas

A maioria dos casos de costocondrite tem causa desconhecida. Contudo, para alguns casos, as causas são:

  • Trauma no tórax, como um impacto de uma queda ou um acidente de carro
  • Esforço físico de alguma atividade, como levantamento de peso e exercícios extenuantes
  • Movimentos repetitivos, incluindo tosse severa
  • Tumores na articulação costosternal
  • Alguns tipos de artrite
  • Alguns vírus e doenças respiratórias como tuberculose, sífilis e aspergilose, que podem causar inflamações nas articulações.

Fatores de risco

A costocondrite é mais comum em mulheres e em pessoas com mais de 40 anos. Os riscos também aumentam se a pessoa:

  • Participar de atividades de alto impacto
  • Executar certos tipos de trabalhos manuais
  • Ter alergias e se expor a substâncias que causem essas alergias
  • Ter artrite reumatoide
  • Ter espondilite anquilosante
  • Ter Síndrome de Reiter.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Sintomas

Sintomas de Costocondrite

A dor e sensibilidade associados a costocondrite têm os seguintes sintomas:

  • Ocorre no lado esquerdo do peito
  • Afeta mais de uma costela
  • Piora quando a pessoa respira profundamente ou tosse.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Busque ajuda médica caso:

  • Tenha dificuldades para respirar
  • Tenha febre alta
  • Tenha sinais de infecção, como vermelhidão, pus e aumento do inchaço nas articulações das costelas
  • O problema continue ou piore após medicação
  • Sinta náuseas
  • Tenha sudorese.

Busque ajuda médica de emergência caso:

  • A febre alta não responder a medicamentos de redução
  • Sinta dor no peito persistente associada a náuseas, sudorese, dor no braço esquerdo ou qualquer tipo de dor no peito generalizada que não está bem localizada.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar uma costocondrite são:

  • Clínico geral
  • Ortopedista.

Como os sintomas da costocondrite são semelhantes a de problemas cardíacos é comum a pessoa se consultar primeiro com um cardiologista e após não ser constatada nenhuma complicação cardíaca, o paciente é encaminhado para o ortopedista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando você começou a sentir esses sintomas?
  • Seus sintomas pioraram ao longo do tempo?
  • Onde está localizada a sua dor?
  • O que você percebeu que pode piorar sua dor?
  • Alguma coisa parece atenuar a sua dor?
  • Você está tendo alguma dificuldade para respirar?
  • Será que algum exercício ou esforço físico pioram os sintomas?
  • Você teve alguma infecção respiratória recentemente?
  • Você teve alguma lesão no seu peito recentemente?
  • Você foi diagnosticado com quaisquer outras condições médicas?
  • Você recentemente experimentou uma quantidade significativa de estresse?
  • Você está ciente de qualquer histórico de problemas cardíacos na família?

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para costocondrite, algumas perguntas básicas incluem:

  • O que está provavelmente causando meus sintomas ou minha condição?
  • Existem outras causas possíveis para os meus sintomas ou condição?
  • Que tipos de exames eu preciso fazer?
  • Qual o tratamento você recomenda, caso haja um?
  • Que medidas de autocuidado são susceptíveis de ajudar a melhorar os meus sintomas?
  • Preciso de seguir todas as restrições das atividades?
  • Quais os cuidados que devo ter em casa?
  • Quanto tempo demora para os sintomas se resolverem?
  • Existe algum outro especialista que devo consultar?

Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Costocondrite

O diagnóstico da costocondrite consiste em um exame físico, o médico irá mover sua caixa torácica ou os braços de determinadas maneiras a fim de tentar desencadear seus sintomas. Como os sintomas da costocondrite são semelhantes aos sintomas de alguns problemas cardíacos, o médico pode também pedir uma variedade de exames, como radiografia do tórax, eletrocardiograma e exames de sangue, a fim de descartar outras condições.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Costocondrite

Normalmente a costocondrite se cura por conta própria, mas em alguns ela pode durar meses. Algumas opções de tratamento são:

  • Uso de medicamentos antiinflamatórios
  • Medicamentos contendo codeína podem ser orientados em casos de dores fortes
  • Alguns antidepressivos podem ser utilizados em casos de dores crônicas
  • Medicamentos anticonvulsivos também podem contribuir para o controle das dores crônicas
  • Exercícios de alongamento suaves
  • Realizar um procedimento chamado de Estimulação elétrica nervosa transcutânea, que pode interromper ou mascarar os sinais da dor
  • Descansar e evitar atividades que piorem o problema
  • Caso as opções acima não funcionem, injetar medicamentos diretamente na articulação dolorosa pode ser uma opção
  • Intercalar compressas quentes e frias pode ser uma boa alternativa
  • Realizar fisioterapia pode atenuar a dor
  • Caso não haja sucesso com os outros tratamentos, a cirurgia para a retirada da cartilagem inflamada pode ser realizada.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Caso a costocondrite seja persistente ou crônica, o médico pode orientar mudanças permanentes na sua rotina. Alguns tipos de exercícios podem ser evitados por agravarem a situação, assim como alguns trabalhos manuais. O repouso e a fisioterapia também podem ser orientados. Certifique-se de levar as mãos e manter a higiene adequada em casa a fim de evitar infecções.

Expectativas

A perspectiva em relação a costocondrite é muito boa. A maioria dos pacientes respondem bem aos tratamentos conservadores. As chances de recorrência são maiores em que tem doenças reumatológicas subjacentes.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Prevenção

Prevenção

Apesar da causa da costocondrite ser muitas vezes desconhecida, existem evidencias de que as crianças que carregam mochilas pesadas, especialmente sobre um dos ombros, correm maior risco de desenvolver a condição. Infecções respiratórias, levantamento de peso e exercícios extenuantes também podem estar ligados com a costocondrite.

Assim medidas que poderiam ajudar a prevenir a costocondrite são:

  • Incentivar seu filho a usar a mochila corretamente
  • Evitar atividades que poderiam desencadear a costocondrite
  • Tomar medidas para prevenir infecções respiratórias, como lavar bem as mãos, evitar o compartilhamento de copos e utensílios e limitar a exposição a doentes.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Fontes e referências

  • Clínica Mayo