Doença de Addison

Visão Geral

O que é Doença de Addison?

A doença de Addison é um distúrbio que ocorre quando as glândulas adrenais não produzem quantidades suficientes de seus hormônios.

Causas

As glândulas adrenais são pequenos órgãos liberadores de hormônio localizados no topo de cada rim. Elas são constituídas de parte externa (chamada córtex) e interna (chamada medula).

O córtex produz três tipos de hormônios:

  • Os hormônios glicocorticoides (tais como cortisol) mantêm o controle do açúcar (glucose), diminuem (eliminam) a resposta imunológica e ajudam o corpo a responder ao estresse.
  • Os hormônios mineralocorticoides (como a aldosterona) regulam o equilíbrio de sódio e potássio.
  • Os hormônios sexuais, andrógenos (homem) e estrógenos (mulheres) afetam o desenvolvimento sexual e a libido.

A doença de Addison é resultado de dano ao córtex adrenal. O dano faz com que o córtex produza menos hormônios.

Esse dano pode ser provocado por:

  • O sistema imunológico atacar a glândula por engano (doença autoimune)
  • Infecções como tuberculose, HIV ou infecções fúngicas
  • Hemorragia, perda de sangue
  • Tumores
  • Uso de medicamentos para diminuição da viscosidade do sangue (anticoagulantes)

Os fatores de risco para a doença de Addison do tipo autoimune incluem outras doenças autoimunes:

Certos defeitos genéticos podem provocar essas condições.

Exames

Os exames podem mostrar:

  • Aumento dos níveis de potássio
  • Baixa pressão sanguínea
  • Baixa nível de cortisol
  • Baixa sódio sérico
  • Níveis normais de hormônios sexuais

Outros testes podem incluir:

  • Raio X abdominal
  • Tomografia computadorizada abdominal

Essa doença também pode alterar os resultados dos seguintes exames:

  • 17hidroxicorticosteroides
  • 17-cetosteroides
  • Taxa de excreção de aldosterona urinária De 24 horas
  • Aldosterona
  • Contagem de eosinófilos no sangue
  • Teste de estímulo com cortrosina
  • Exame para potássio
  • Renina
  • Cortisol na urina

Sinônimos

Hipofunção adrenocortical; Insuficiência adrenocortical crônica; Insuficiência adrenal primária

Mais sobre Doença de Addison

Consulte seu médico se:

  • Você não consegue manter sua medicação baixa devido ao vômito.
  • Você foi diagnosticado com doença de Addison e sofrer um estresse, por exemplo, infecção, lesão, trauma ou desidratação. Você pode ter que ajustar sua medicação.
  • Seu peso aumentar com o tempo.
  • Seus tornozelos começam a inchar.
  • Você desenvolver outros sintomas novos.

Se tiver sintomas de crise adrenal, aplique-se uma injeção de emergência do seu medicamento prescrito. Se não tiver, vá ao pronto-socorro mais próximo ou ligue para a emergência.

Os sintomas de crise adrenal incluem:

Sintomas

Sintomas de Doença de Addison

  • Alteração da pressão sanguínea ou da frequência cardíaca
  • Diarreia crônica, náusea e vômito ou perda de apetite resultando em perda de peso
  • Escurecimento da pele em alguns locais fazendo a pele parecer desigual
  • Palidez
  • Extrema fraquezafadigae movimento lento e moroso
  • Lesões na boca do lado de dentro da bochecha (mucosa bucal)
  • Desejo por sal

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Doença de Addison

O tratamento com reposição de corticosteroides controlará os sintomas dessa doença. Contudo, normalmente você terá que tomar esses medicamentos a vida toda. As pessoas muitas vezes tomam uma combinação de glicocorticoides (cortisona ou hidrocortisona) e mineralocorticoides (fludrocortisona).

Nunca pule as doses do seu medicamento para essa doença porque podem ocorrer reações fatais.

O médico pode aumentar a dose da medicação por causa de:

  • Infecção
  • Lesão
  • Estresse
  • Cirurgia

Durante uma forma extrema de insuficiência adrenal chamadacrise adrenal, você deve injetar hidrocortisona imediatamente. Normalmente, também é necessário um tratamento de apoio para pressão sanguínea baixa.

Algumas pessoas com a doença de Addison aprendem a se aplicar uma injeção de emergência de hidrocortisona durante situações estressantes. É importante que você sempre porte um cartão de identificação médica que informe o tipo de medicação e a dose adequada em caso de emergência. Seu médico também pode lhe dizer para sempre usar uma etiqueta Medic-Alert (como uma pulseira) alertando outros médicos de que você tem essa doença para o caso de emergência.

Convivendo (prognóstico)

Complicações possíveis

Podem ocorrer complicações se você tomar pouco ou muito suplemento de hormônio adrenal.

Também podem resultar complicações das seguintes enfermidades relacionadas:

  • Diabetes
  • Tireoidite de Hashimoto (tireoidite crônica)
  • Hipoparatireoidismo
  • Hipofunção ovariana ou insuficiência testicular
  • Anemia perniciosa
  • Tirotoxicose

Expectativas

Com a terapia de reposição hormonal, a maioria das pessoas com doença de Addison consegue levar uma vida normal.

Fontes e referências

  • Stewart PM, Krone NP. The adrenal cortex. In: Kronenberg H, Melmed S, Polonsky K, Larsen PR, eds. Williams Textbook of Endocrinology. 12th ed. Philadelphia, PA: Saunders Elsevier; 2011:chap 15.
ADAM logo

A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles.

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não