Doença do legionário: sintomas, tratamentos e causas

Visão Geral

O que é Doença do legionário?

Sinônimos: pneumonia legionella, febre de pontiac

A doença do legionário é uma forma severa de pneumonia. Ela é causada pela bactéria Legionella pneumophyla e outros tipos de Legionella. A doença do Legionário não passa de pessoa para pessoa, as bactérias normalmente se propagam por meio dos sistemas de ar condicionado dos locais.

PUBLICIDADE

Causas

A doença do legionário é causada pela bactéria Legionella pneumophyla e outros tipos de Legionella. Esta bactéria sobrevive no solo e na água e raramente causa infecções.

Contaminação

A maioria das pessoas se contaminam com a bactéria Legionella pneumophyla inalando gotículas de água que a contenham. A contaminação tem sido associada com diversas fontes de transmissão, incluindo:

  • Sistemas de ar condicionado de prédios e outros locais
  • Banheiras de hidromassagem e banheiras de hidromassagem em cruzeiros
  • Fontes decorativas
  • Piscinas
  • Equipamentos de fisioterapia
  • Sistemas de água em hotéis, hospitais e lares de idosos.

A transmissão também pode ocorrer após mexer em solo contaminado.

Fatores de risco

Nem todas as pessoas expostas a bactéria Legionella ficam doentes. Os riscos de desenvolver a doença aumentam se a pessoa:

  • Fuma: Fumar afeta os pulmões e faz com que as pessoas fiquem mais suscetíveis a todos os tipos de infecções nos pulmões
  • Tem o sistema imunológico enfraquecido: Isto ocorre com portadores de HIV, pacientes transplantados, pessoas em tratamento de câncer, entre outros
  • Tem uma doença pulmonar crônica, como enfisema
  • Tem mais de 50 anos.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Sintomas

Sintomas de Doença do legionário

A doença do Legionário se desenvolve entre dois e dez dias após a pessoa ser exposta a bactéria Legionella. Os sintomas nos primeiros dias são:

  • Dor de cabeça
  • Dor muscular
  • Calafrios
  • Febre de 40 graus ou maior.

Por volta do segundou ou terceiro dia a pessoa pode desenvolver os seguintes sintomas:

  • Tosse, que pode ter muco e em alguns casos sangue
  • Falta de ar
  • Dor no peito
  • Problemas gastrointestinais como náuseas, vômitos e diarreia
  • Confusão e outros problemas mentais.

Apesar da doença do Legionário afetar os pulmões, ela também pode causar infecções em feridas e em outras partes do corpo, incluindo o coração. A forma leve de doença do Legionário, conhecida como febre de Pontiac, pode ter sintomas que incluem febre, calafrios, dor de cabeça e dores musculares. A febre Pontiac não infecta os pulmões, e os sintomas geralmente param dentro de dois a cinco dias.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Busque ajuda médica se você acredita que foi exposto a bactéria Legionella. Diagnosticar e tratar a doença do Legionário o quanto antes pode ajudar a diminuir o tempo de recuperação e prevenir complicações mais sérias.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar uma doença do Legionário são:

  • Clínico geral
  • Pneumologista
  • Infectologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando você começou a ter os sintomas?
  • Seus sintomas são contínuos?
  • Seus sintomas pioraram?
  • Existe algo que parece melhorar seus sintomas? Se sim, o que?
  • Existe algo que parece melhorar seus sintomas? Se sim, o que?.

Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para doença do legionário, algumas perguntas básicas incluem:

  • O que está causando meus sintomas?
  • Quais as outras possíveis causas?
  • Quais exames eu preciso fazer?
  • Qual é a melhor maneira de tratar minha doença?
  • Existem outras alternativas de tratamentos para a minha doença?
  • Tenho outros problemas de saúde. Como minha doença irá afetar eles?
  • É possível evitar a hospitalização? Se não for, por quanto terei que ficar hospitalizada?.

Diagnóstico de Doença do legionário

Como a doença do Legionário é similar a outros tipos de pneumonia, para conseguir identifica-la seu médico pode pedir os seguintes exames:

  • Exame de urina
  • Exame de sangue
  • Raio-X do peito, não para confirmar a doença, mas sim para ver sua extensão
  • Exames de uma amostra do catarro ou do tecido pulmonar
  • Tomografia computadorizada ou punção lombar caso a pessoa apresente confusão ou outros problemas mentais.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Doença do legionário

A doença do Legionário é tratada com antibióticos. Existem quatro classes de antibióticos que são efetivas em tratar a doença do Legionário, sendo que a escolha da melhor opção depende da condição de cada paciente.

Medicamentos para Doença do legionário

Os medicamentos mais usados para o tratamento de alguns sintomas da doença do legionário são:

Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Algumas atitudes ajudam a evitar que a doença do Legionário piore, são elas:

  • Não fumar ou ficar perto de pessoas fumando
  • Não beber álcool
  • Ficar fora do trabalho e escola e descansar o máximo possível
  • Beber muitos líquidos.

Complicações possíveis

As complicações que a doença do Legionário pode causar são:

  • Insuficiência respiratória: Isso ocorre quando os pulmões já não são capazes de fornecer o corpo com oxigênio suficiente ou não conseguem remover o dióxido de carbono suficiente a partir do sangue
  • Choque séptico: Isso ocorre quando uma queda súbita e grave da pressão arterial reduz o fluxo sanguíneo para órgãos vitais, especialmente para os rins e cérebro. O coração tenta compensar aumentando o volume de sangue bombeado, mas a carga de trabalho suplementar, eventualmente, enfraquece o coração e reduz o fluxo de sangue ainda mais
  • Insuficiência renal aguda: Perda súbita da capacidade de seus rins para desempenhar sua principal função, filtrar os resíduos do sangue. Quando os rins falham, níveis perigosos de líquidos e resíduos se acumulam em seu corpo.
NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Prevenção

Prevenção

A doença do Legionário pode ser prevenida com a limpeza meticulosa dos sistemas de águas, piscinas e spas. Não fumar também ajuda a diminuir os riscos de contrair a doença.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DESSA PUBLICIDADE ;)

Fontes e referências

  • Clínica Mayo.