Dor nos pés

Visão Geral

O que é Dor nos pés?

O pé é uma intrincada rede de ossos, ligamentos, tendões e músculos. Forte o suficiente para suportar o peso do corpo, o pé pode ser propenso a lesões e dor.

A dor do pé pode afetar qualquer uma de suas partes, desde os dedos até o tendão de Aquiles, que fica na parte de trás do seu calcanhar.

Caso a dor no pé seja leve, muitas vezes responde bem a tratamentos caseiros, mas pode levar tempo para resolver, exigindo intervenção médica. Dor no pé grave deve ser avaliada pelo seu médico, especialmente se é decorrente de um trauma.

Causas

Lesão, o uso excessivo, ou condições que causam inflamação envolvendo qualquer um dos ossos, ligamentos ou tendões do pé pode causar dor no pé.

Algumas causas comuns de dor no pé incluem:

  • Tendinite de Aquiles
  • Ruptura do tendão de Aquiles
  • Fratura por avulsão
  • Osteófitos
  • Fratura no tornozelo, pé e dedos
  • Joanete
  • Bursite
  • Calos e calosidades
  • Neuropatia diabética
  • Pés chatos
  • Gota
  • Dedos em martelo
  • Salto alto ou sapatos mal ajustados
  • Unhas encravadas
  • Metatarsalgia
  • Neuroma de Morton
  • Osteoartrite (artrose)
  • Osteomielite
  • Doença óssea de Paget
  • Neuropatia periférica
  • Fascite plantar
  • Verrugas plantares
  • Artrite reumatoide
  • Artrite séptica
  • Fraturas por estresse
  • Síndrome do túnel de tarso
  • Tendinites
  • Tumor.

As causas de dor no pé mostradas aqui são comumente associadas a este sintoma. Trabalhe com o médico ou outro profissional de saúde para um diagnóstico preciso.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Procure ajude médica de emergência se você:

  • Sente dor forte ou inchaço
  • Já possui uma ferida aberta ou uma ferida que está escorrendo pus
  • Tem sinais de infecção, tais como vermelhidão, calor e sensibilidade na área afetada
  • Tem ou teve uma febre com mais de 37,8°C
  • É incapaz de caminhar ou colocar peso sobre o pé
  • Tem diabetes e qualquer ferida que não cicatriza ou é profunda, vermelha, inchada e quente ao toque.

Agende uma consulta médica se você:

  • Tenha inchaço persistente que não melhora completamente após dois a cinco dias de tratamento em casa
  • Tem dor persistente que não melhora após vários dias
  • Tem dor em queimação, dormência ou formigamento, especialmente envolvendo a maioria ou a totalidade da sola de seu pé (fasciste plantar).

Na consulta médica

Os profissionais de saúde que geralmente cuidam da dor no pé são:

  • Clínico geral
  • Ortopedista
  • Fisioterapeuta
  • Profissionais de enfermagem
  • Médicos de emergência.

Se a sua dor no pé é grave ou de longa duração, os profissionais de saúde que podem ajudam no tratamento incluem:

  • Reumatologista
  • Neurologista
  • Neurocirurgião
  • Fisiatras.

Você também pode obter assistência a partir de:

  • Acupunturista
  • Massagista certificado.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas que você está experimentando ultimamente, ainda que eles não pareçam ter relação com a dor no pé, e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Onde exatamente é a dor?
  • Quando a dor começou?
  • O que, se alguma coisa, parece melhorar o sintoma?
  • O que, se alguma coisa, parece piorar o sintoma?
  • Os sintomas são contínuos ou ficam mais fracos/fortes em algum momento?
  • Quais medicamentos você toma?
  • Você tem outras condições de saúde?

Tratamento e Cuidados

Cuidados

Se a sua dor do pé é decorrente de uma lesão ou uso excessivo, evite atividades que possam agravar a dor e experimente colocar gelo no seu pé por 15 a 20 minutos várias vezes por dia.

Mesmo com o melhor dos cuidados, a dor pode persistir, exigindo a busca por ajuda médica. Se você não tem certeza da causa da sua dor do pé, especialmente se você tem diabetes, consulte o médico antes de tentar qualquer tratamento em casa.

Escalda pés

Fontes e referências

  • Revisado por: Ricardo Munir Nahas, ortopedista e médico do esporte e exercício, membro da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, especialista do Portal Minha Vida - CRM SP 34914
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não

Mais Sobre

carregando...

Mais sobre

  • já ajudou pessoas