Furúnculo

Visão Geral

O que é Furúnculo?

Sinônimos: inflamação dos folículos capilares

Um furúnculo é uma infecção cutânea causada por bactéria que envolve um folículo piloso, a glândula sebácea e o tecido subcutâneo próximo a ele. Sua principal característica é a formação de um nódulo avermelhado, doloroso, endurecido e quente, com uma área amarelada na parte central indicativa da presença de pus. O tamanho do furúnculo pode variar de acordo com a profundidade dos tecidos infectados.

Causas

O furúnculo é geralmente causado pela bactéria Staphylococcus aureus, um tipo bastante comum e que pode ser encontrado na pele e dentro do nariz. No entanto, o furúnculo também pode ser causado por outras bactérias ou fungos presentes na superfície da pele. Eles geralmente crescem em locais acometidos por alguma ferida ou picada de inseto, que facilitam a entrada da bactéria.

Furúnculos: entenda o que são e saiba como é o tratamento

Os furúnculos podem ocorrer em folículos capilares de qualquer parte do corpo, podendo haver mais de um furúnculo ao mesmo tempo. A lesão surge especialmente nas regiões com pelos e mais expostas à umidade, pressão e atrito, ou a substâncias gordurosas que facilitam a obstrução dos folículos pilosos. Os furúnculos são mais comuns no rosto, pescoço, axilas, nádegas e coxas.

Fatores de risco

Qualquer pessoa pode desenvolver furúnculos, mas existem alguns fatores considerados de risco que contribuem para o surgimento desses nódulos. Veja:

  • Contato físico com pessoas que tenham furúnculo
  • Diabetes, que dificulta a ação dos anticorpos contra a bactéria causadora da infecção
  • Doenças na pele, como acne e eczema, facilitam o surgimento de furúnculos
  • Imunidade comprometida dificulta a reação do corpo a infecções. Pacientes com o vírus do HIV são mais suscetíveis a furúnculos
  • Obesidade também aumenta a incidência das lesões.

Sintomas

Sintomas de Furúnculo

Furúnculos podem aparecer em qualquer local do corpo, mas são mais comuns no rosto, pescoço, axilas, nádegas e coxas. Um furúnculo pode começar como um nódulo inchado, sensível e vermelho rosado. Com o tempo, ele fica parecendo um balão cheio de água ou um cisto.

A dor piora conforme ele vai sendo preenchido com pus e tecido morto e aumenta quando ele é drenado. É possível que o furúnculo se drene sozinho.

Os sintomas mais comuns do furúnculo são:

  • Surgimento de um nódulo avermelhado, doloroso e cheio de pus
  • Vermelhidão e suor na pele ao redor do abscesso
  • Crescimento gradual no tamanho do nódulo conforme vai se enchendo de pus
  • Surgimento de uma área amarelada na parte central do furúnculo, que pode eventualmente se romper, permitindo que o pus vaze
  • Fadiga, mal-estar, coceira antes do desenvolvimento do furúnculo e febre.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Um furúnculo é facilmente identificável, mas é sempre bom procurar um especialista para saber que medidas tomar para tratar da lesão. Alguns fatores emergenciais devem ser levados em consideração. Busque ajuda médica o quanto antes quando o furúnculo:

  • Surgir no rosto
  • Crescer muito rapidamente ou estiver muito dolorido
  • Causar febre
  • For muito grande
  • Não tiver cicatrizado em até duas semanas
  • For recorrente.

Na consulta médica

Anote todos os seus sintomas e descreva-os ao médico, que provavelmente irá pedir para analisar a lesão.

Aproveite também para tirar todas as suas dúvidas. Esteja preparado também para responder às perguntas do médico. Veja alguns exemplos do que ele pode lhe perguntar:

  • O tamanho da lesão cresceu com o passar do tempo?
  • Você sente dores no local da lesão?
  • Você já teve furúnculos alguma vez?
  • Você teve febre ou calafrios recentemente?.

Diagnóstico de Furúnculo

Um exame físico basta para que o médico possa realizar o diagnóstico. Mas se o furúnculo for recorrente ou se o paciente apresentar um quadro infeccioso juntamente com a lesão, o especialista poderá enviar uma amostra do pus para análise de laboratório.

Muitas das bactérias causadoras de furúnculos tornaram-se resistentes a alguns tipos de antibióticos. Por isso o exame é importante, uma vez que determinará qual tipo de antibiótico será necessário para tratar a infecção.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Furúnculo

É possível tratar de pequenos furúnculos em casa, aplicando compressas quentes para aliviar a dor e favorecer a drenagem natural da lesão. É importante também sempre deixar o local da ferida limpo, para evitar maiores complicações.

Para furúnculos maiores, o médico poderá indicar alguns tipos de tratamentos mais específicos:

Incisão e drenagem: o especialista poderá realizar uma pequena incisão na parte central do furúnculo para induzir a drenagem do pus;Antibióticos: se o furúnculo vier acompanhado de infecções bacterianas, o médico poderá prescrever um antibiótico específico para combatê-la, de tipo tópico ou oral.

Atenção: NUNCA se deve espremer um furúnculo. Na maioria dos casos, ele se rompe espontaneamente e não há necessidade de drenagem cirúrgica. Espremer o furúnculo por conta própria pode agravar a lesão e empurrar a infecção ainda mais para dentro da pele.

Em alguns casos, o especialista poderá prescrever um antibiótico tópico para combater a infecção.

Convivendo (prognóstico)

Convivendo/ Prognóstico

Saber lidar bem com furúnculos também faz parte do tratamento. Medidas caseiras são essenciais para a recuperação do paciente, especialmente em casos de lesões pequenas. Adote algumas dicas que poderão ajudá-lo no tratamento:

  • Capriche na higiene corporal e troque as roupas de uso pessoal e de cama e banho regularmente. Elas podem ser veículos para transmitir a infecção
  • Lave bem o local da infecção com água e sabão todos os dias, secando-o bem após o banho
  • Não coce o local da lesão para não correr o risco de espalhar a infecção para outras áreas do corpo.

Complicações possíveis

  • Quando a lesão se manifestar ao redor do nariz ou do ouvido pode ser um problema, porque essa região é irrigada por vasos que se comunicam com os do cérebro
  • Quando a bactéria se dissemina pela corrente sanguínea, ela pode atingir os ossos e até mesmo alguns órgãos vitais, como o coração
  • Quando a bactéria presente no pus eliminado atinge folículos pilossebáceos à distância, ela provoca o aparecimento de múltiplas lesões típicas da furunculose
  • Quando a contaminação ocorre sob a pele e os abscessos se desenvolvem em folículos pilosos vizinhos, forma-se um bloco único e profundo com vários pontos de pus. Esse tipo de lesão localiza-se geralmente na nuca e recebe o nome especial de carbúnculo.

Expectativas

Algumas pessoas têm ataques recorrentes com abscessos e pouco sucesso em preveni-los.

Os furúnculos podem ser muito doloridos se surgirem em áreas como o canal auditivo ou o nariz. Os furúnculos no nariz devem ser tratados por um médico. Os furúnculos que se desenvolvem próximos um do outro podem se expandir e se unir, causando uma doença chamada de carbunculose.

Em geral, a evolução do quadro é benigna, mas podem ocorrer complicações, especialmente quando eles são manipulados sem o devido cuidado.

Prevenção

Prevenção

Adote algumas medidas para prevenir a ocorrência de furúnculos:

  • Mantenha as mãos sempre limpas e cuidadosamente lavadas. Entre todas, essa é a medida mais eficaz para prevenir a manifestação de furúnculos ou sua recorrência
  • Evite as roupas muito justas e as de tecido sintético que dificultam a evaporação do suor, uma vez que atrito e umidade favorecem a ocorrência de furúnculos
  • Mantenha feridas cobertas por curativos. Evitar a exposição de ferimentos a bactérias é uma dica para evitar o surgimento de lesões como o furúnculo
  • Não compartilhe itens pessoais com pessoas que tenham furúnculo
  • Prefira sabonetes antibacterianos.

Fontes e referências

  • Revisado por: Dra. Ana Maria Pinheiro, dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia - CRM: 5861
  • Ministério da Saúde
  • Sociedade Brasileira de Dermatologia
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não

Mais Sobre