Linfadenopatia

Visão Geral

O que é Linfadenopatia?

Linfadenopatia se refere à dilatação de um ou mais linfonodos. Os gânglios linfáticos, ou linfonodos, são encontrados em todo o corpo. Eles são parte importante de seu sistema imunológico. Os linfonodos ajudam seu corpo a reconhecer e combater germes, infecções e outras substâncias estranhas.

Causas

As infecções que usualmente causam linfonodos inchados incluem:

Linfonodos inchados também podem ser causados por doenças, como artrite reumatoide e HIV.

Os cânceres que frequentemente causam este problema incluem leucemia, doença de Hodgkin ou linfoma não Hodgkin. Entretanto, muitos outros tipos de câncer também podem estar envolvidos.

Quais linfonodos ficam inchados depende do tipo de problema e das partes do corpo envolvidas. Identificar a localização pode ajudar a determinar a possível causa.

Linfonodos inchados também podem ser causados por alguns medicamentos (como a fenitoína, utilizada para convulsões) ou por certas vacinas (como a imunização contra a febre tifoide).

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Consulte um médico se:

  • Os linfonodos não diminuírem após várias semanas ou continuarem a se dilatar
  • Se estiverem vermelhos e sensíveis
  • Caso se apresentem duros, irregulares ou fixos e localizados
  • Se você tiver febre, suores noturnos ou perda de peso inexplicada
  • Nas crianças, qualquer linfonodo com mais de 1 cm (um pouco menos de 1/2 polegada) de diâmetro.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar uma linfadenopatia são:

  • Clínico geral
  • Infectologia
  • Endocrinologia
  • Pneumologia
  • Dermatologia
  • Imunologia

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando o inchaço começou?
  • O inchaço é igual nos dois lados?
  • Quanto tempo durou (quantos meses ou semanas)?
  • O inchaço se manifestou rapidamente ou foi gradual?
  • O inchaço aumenta de tamanho?
  • O número de linfonodos inchados está aumentando?
  • Algum dos linfonodos inchados está dolorido ou sensível?
  • A pele sobre ou ao redor dos linfonodos possui aspecto avermelhado?
  • Você teve outros sintomas?

Fontes e referências

  • Ministério da Saúde
  • Mayo Clinic
  • Manual Merck
  • University of Rochester Medical Center
  • Cancer Research UK
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não

Mais sobre

carregando...
  • já ajudou pessoas