publicidade

O que é Neuropatia periférica?

Sinônimos: Neurite periférica

Os nervos periféricos carregam as informações do cérebro e para o cérebro. Eles também carregam sinais da medula espinhal para o resto do corpo.

Na neuropatia periférica, esses nervos não funcionam corretamente. A neuropatia periférica pode causar danos a um único nervo. Ela pode ainda danificar um grupo de nervos. Também pode afetar nervos no corpo inteiro.

Causas

Os danos nervosos são muito comuns. Existem vários tipos e causas. Geralmente, a causa não é encontrada. Algumas doenças dos nervos são hereditárias.

A diabetes é a causa mais comum desse tipo de problema nervoso. Ela ocorre quando você tem níveis elevados de glicose no sangue por um longo tempo.

Outros problemas médicos que podem causar a neuropatia são:

  • Distúrbios autoimunes, artrite reumatoide ou lúpus
  • Doença renal crônica
  • Infecções como o HIV e infecções hepáticas
  • Baixo nível de vitamina B12 ou outros problemas com sua dieta
  • Fluxo precário de sangue para as pernas
  • Glândula tireoide inativa

As drogas e as toxinas podem causar lesões neurais. Um exemplo é o consumo excessivo de álcool. Cola, chumbo, mercúrio e solventes podem causar danos aos nervos. As drogas que tratam infecções, câncer, convulsões e hipertensão podem causar danos aos nervos.

Uma das causas pode ser a compressão de um nervo próximo a uma parte do corpo. Um exemplo é a síndrome do túnel carpal.

Uma fratura óssea ou outro trauma pode danificar um nervo. A exposição a baixas temperaturas por um longo período também. A pressão resultante de gesso, talas, órteses ou muletas mal colocadas pode causar danos ao nervo.

Exames

O médico fará um histórico cuidadoso de sua saúde. Você também passará por um exame físico.

É possível que sejam realizados exames de sangue para procurar as causas de danos nervosos.

Você também poderá fazer testes para: verificar a atividade nos músculos, conferir a velocidade com que os sinais se deslocam ao longo dos nervos e observar uma amostra do nervo no microscópio.

Sintomas de Neuropatia periférica

Os sintomas dependem do nervo que foi lesado. Os sintomas também dependem se a lesão afeta um nervo, vários nervos ou o corpo todo.

Dor e dormência

Formigamento e queimação nos braços e nas pernas podem ser sinais precoces de nervo lesionado. Essas sensações geralmente iniciam nos pés e dedos dos pés. Você poderá sentir dor profunda. Isso frequentemente acontece nos pés e nas pernas.

Você poderá perder a sensação das pernas e dos braços. Por essa razão, talvez você não perceba quando pisar em algo afiado. Você pode não perceber quando tocar em algo muito quente ou frio. É possível que você não saiba quando tiver uma bolha ou ferida nos pés.

Problemas musculares

Os danos causados aos nervos podem dificultar o controle dos músculos. Também podem causar fraqueza. Você poderá notar problemas ao mover uma parte do seu corpo. Você poderá cair por ter enroscado as pernas. Você poderá tropeçar nos dedos dos pés.

Realizar tarefas como abotoar uma camisa pode se tornar mais difícil. É possível que você note contrações ou cãibras em seus músculos. Os músculos podem diminuir.

Problemas com órgãos do corpo

Pessoas com danos nervosos podem ter dificuldade para digerir os alimentos. Você pode se sentir cheio ou inchado e ter azia após ter comido apenas um pouco. Às vezes, você poderá vomitar comidas que não tenham sido bem digeridas. Você poderá evacuar fezes líquidas ou duras. Algumas pessoas apresentam problemas para engolir.

Os danos causados aos nervos do coração podem fazê-lo sentir tontura ou fraqueza ao se levantar.

A angina é uma dor no peito que funciona como sinal de aviso para doença cardíaca ou ataque cardíaco. O nervo danificado pode "ocultar" esse sinal de aviso. Você deve aprender outros sinais de aviso de um ataque cardíaco. Eles são fadiga, suor, dificuldade para respirar, náusea e vômito súbitos.

Outros sintomas de danos nervosos

Problemas sexuais. Os homens podem ter problemas com ereção. As mulheres podem ter problemas com secura vaginal ou orgasmo.

Algumas pessoas podem não ser capazes de saber quando a glicose no sangue estiver muito baixa.

Problemas de bexiga. Pode vazar urina. Você pode não ser capaz de dizer quando sua bexiga está cheia. Algumas pessoas não conseguem esvaziar a bexiga.

Você pode suar demais. Isso ocorre quando a temperatura é baixa, quando você está em repouso ou em outros momentos incomuns.

Buscando ajuda médica

Ligue para o seu médico se tiver sintomas de lesão nos nervos. O tratamento precoce aumenta as chances de controlar os sintomas e evitar mais problemas.

Tratamento de Neuropatia periférica

Tratar a causa do dano ao nervo, se conhecida, pode melhorar os sintomas. Pessoas com diabetes devem aprender a controlar sua glicose no sangue.

Se você bebe álcool, pare. Seus medicamentos podem precisar ser alterados. Repor uma vitamina ou fazer outras mudanças em sua dieta pode ajudar.

Você pode precisar de cirurgia para interromper a lesão no nervo.

Você pode precisar fazer fisioterapia para aprender exercícios que melhoram a força e o controle muscular. Cadeiras de rodas, órteses e talas podem melhorar o movimento ou a capacidade de usar um braço ou uma perna com dano ao nervo.

Organização da casa

A segurança é muito importante para pessoas com lesões nos nervos. A lesão no nervo pode aumentar o risco de quedas e outras lesões.

Remova os fios soltos e tapetes dos lugares por onde você caminha. Não tenha animais pequenos em casa. Conserte pisos irregulares nas portas.

Tenha uma boa iluminação. Instale corrimãos na banheira ou chuveiro e próximo ao vaso sanitário. Coloque um tapete antiderrapante na banheira ou chuveiro.

Cuidados com a pele

Use calçados o tempo todo para proteger seus pés de lesões. Antes de colocá-los, verifique se há pedras, pregos ou partes ásperas dentro dos sapatos que possam machucar os pés.

Verifique seus pés todos os dias. Observe a parte de cima, os lados, a sola, o calcanhar e entre os dedos. Lave seus pés todos os dias com água morna e sabonete neutro. Use loção hidratante, vaselina, lanolina ou óleo na pele seca.

Verifique a temperatura da água de banho com o seu cotovelo antes de colocar os pés na água.

Evite pressionar as áreas com lesão dos nervos por muito tempo.

Tratando a dor

Os medicamentos podem ajudar a reduzir a dor nos pés, nas pernas e nos braços. Eles geralmente não trazem de volta a sensibilidade.

Você pode precisar tomar analgésicos. Os medicamentos usados para tratar outros problemas médicos, como convulsões ou depressão, também podem ajudar a controlar a dor. Use a menor quantidade possível para evitar efeitos colaterais.

Seu médico poderá conduzi-lo a um especialista em dor. A psicoterapia pode ajudar você a entender melhor como a dor está afetando a sua vida. Também pode ajudá-lo a aprender formas de lidar com a dor.

Tratando outros sintomas

Usar meias elásticas pode ajudar a tratar a pressão arterial baixa e desmaios. Dormir com a cabeça elevada tem o mesmo efeito. Alguns medicamentos também podem ajudar.

Seu médico poderá indicar medicamentos que auxiliam nos problemas para ir ao banheiro. Fazer refeições leves e frequentes pode ajudar.

Há algumas formas de ajudar a combater os problemas de bexiga. Você pode aprender exercícios para fortalecer os músculos do assoalho pélvico. Talvez seja necessário usar um tubo fino inserido na bexiga (cateter urinário). Você pode precisar tomar medicamentos.

Os medicamentos geralmente ajudam em problemas de ereção.

PUBLICIDADE

Expectativas

O resultado depende da causa da lesão do nervo. Quando a doença pode ser detectada e tratada, o prognóstico pode ser excelente. Entretanto, em neuropatias graves, a lesão nervosa pode ser permanente, mesmo que a causa seja tratada.

A dor crônica pode ser um grande problema para alguns pacientes. As pessoas com dormência nos pés podem ter feridas na pele que não cicatrizam. Elas também correm o risco de deformidades na articulação. Raramente, a dormência nos pés pode levar à amputação.

Na maior parte das neuropatias hereditárias, não há cura. Alguns desses problemas não interferem na vida diária. Outros pioram muito rápido e podem levar a sintomas e problemas graves e de longo prazo.

Prevenção

Você pode prevenir algumas causas de lesão neural.

Beba álcool com moderação. Siga uma dieta balanceada. Mantenha a diabetes e outras doenças sob controle . Aprenda sobre os produtos químicos usados no trabalho.

Fontes e referências:

  • Shy ME. Peripheral neuropathies. In: Goldman L, Ausiello D, eds. Cecil Medicine. 23rd ed. Philadelphia, Pa: Saunders Elsevier; 2007:chap 446.

ADAM logo

A.D.A.M., Inc. A reprodução ou distribuição das informações aqui contidas é estritamente proibida.
As informações aqui fornecidas não poderão ser usadas durante nenhuma emergência médica, nem para o diagnóstico ou tratamento de doenças. Um médico licenciado deverá ser consultado para o diagnóstico ou tratamento de todas as doenças. Ligue para 192 em caso de emergências médicas. Os links para outros sites são fornecidos apenas a título de informação e não constituem um endosso a eles.

  • Encontre um médicoindicado por outras pessoas

    em

  • Indique um médicoe ajude outras pessoas

    Estado
    Qual o nome do seu médico?

Este conteúdo ajudou você? Já ajudou você e + 1254 pessoa(s) Já avaliou

Imprima

Erro

erro

Comente

Compartilhe

Encontre médicos de confiança indicados por outras pessoas

buscar médicos

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Descubra o seu Peso ideal Saiba se seu peso atual e sua meta de
peso
são saudáveis.
ex: 75,5kg / 1,70m
 

Shopping Vida Saudável

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

siga o minha vida e melhore sua qualidade de vida

Saiba mais

Copyright 2006/2014 Minha Vida - Todos os direitos reservados

"As informações e sugestões contidas neste site têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas."


Você está usando uma versão antiga do seu navegador :( Para obter uma melhor experiência, atualize agora!
X