Nódulo na mama

Visão Geral

O que é Nódulo na mama?

Um nódulo na mama é um crescimento de tecido que se desenvolve dentro de seu peito. Pode ser descrito como uma massa, um inchaço ou um aumento na espessura do seio.

Um nódulo na mama pode variar na forma e tamanho. Você pode notar:

  • Um nódulo distinto com fronteiras definidas
  • Uma área um pouco mais proeminente em seu peito que é diferente do tecido mamário circundante
  • Outras alterações da mama, tais como vermelhidão, ondulações sulcos da pele
  • Um peito que é visivelmente maior do que o outro (assimetria de mama)
  • Alterações nos mamilos, como um mamilo que é puxado para dentro (inversão do mamilo) ou uma secreção que sai do mamilo
  • Dor na mama ou sensibilidade.

Encontrar um nódulo na mama pode causar apreensão e ser assustador. No entanto, é importante lembrar que a maioria dos nódulos da mama não são cancerosos, mas sim benignos.

Apesar disso, um nódulo na mama também pode ser um sinal de câncer, por isso você deve sempre procurar uma avaliação médica diante de todas as protuberâncias ou inchaços que encontrar em seus seios.

O tecido da mama varia de consistência, com a parte superior externa do seio mais firme e as partes internas e inferiores um pouco mais suaves. Os seios podem se tornar mais sensíveis ou irregulares durante a menstruação e tendem a ficar menos densos à medida que envelhecem.

É importante estar familiarizado com a forma como os seus seios normalmente são, facilitando assim perceber qualquer mudança. Você deve relatar quaisquer alterações ou preocupações na consulta médica.

Causas

O tecido mamário está presente tanto na mulher quanto no homem. Alterações hormonais podem causar pequenos nódulos que, em alguns casos, desaparecem naturalmente. É possível desenvolver nódulo na mama em qualquer idade.

Alguns bebês desenvolvem nódulos mamários devido ao estrogênio que recebem de suas mães durante o parto. Estes geralmente desaparecem quando o estrogênio alcança níveis normais.

Também é comum sentir protuberâncias antes ou durante a menstruação, principalmente na puberdade. Estes sinais também podem se resolver naturalmente com o passar do tempo ou fim da menstruação. Adolescentes que não menstruam também podem sentir um nódulo na mama durante a puberdade, que também desaparecem naturalmente com o tempo.

Entre as doenças e condições que podem causar um nódulo na mama estão:

  • Câncer de mama
  • Cistos mamários
  • Fibroadenoma
  • Mamas fibrocísticas
  • Hamartoma, um tumor benigno na mama
  • Lesão ou trauma no peito
  • Papiloma intraductal, um crescimento não canceroso que se parece com uma verruga, e cresce geralmente perto do mamilo
  • Lipoma
  • Mastite
  • Galactocele.

As causas mostradas aqui são comumente associados a este sintoma. No entanto, é importante marcar uma consulta médica ou com outro profissional de saúde para um diagnóstico preciso.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Marque uma consulta médica se:

  • O nódulo na mama é novo ou incomum e parece diferente do tecido circundante ou do tecido correspondente na outra mama
  • O nódulo na mama não vai embora ou fica maior na menstruação seguinte
  • Acontecem mudanças no nódulo, que pode se tornar maior, mais firme ou mais definido a partir de tecido mamário circundante
  • Tem sangue saindo do seu mamilo
  • Você percebe alterações na pele de seu peito, como vermelhidão, descamação ou ondulações
  • Seu mamilo é voltado para dentro (invertido), embora não seja normalmente posicionado dessa maneira.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar as causas de nódulo na mama são:

  • Mastologista
  • Ginecologista e Obstetra
  • Oncologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Além do nódulo na mama, liste outros sintomas pelos quais você esteja passando recentemente, ainda que eles não pareçam ter relação com a dor
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Quando você percebeu o nódulo na mama?
  • Ele vai e vem conforme o ciclo menstruação?
  • Você notou alguma alteração em seu tamanho ou forma?
  • Você tem casos de câncer de mama na família?
  • Você já teve câncer de mama?
  • O que, se alguma coisa, parece melhorar o sintoma?
  • O que, se alguma coisa, parece piorar o sintoma?

Você também pode precisar fazer alguns exames, tais como:

Fontes e referências

  • Gustavo Badan, mastologista do Femme Laboratório da Mulher - CRM SP 111294
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não