Queimadura de sol

Visão Geral

O que é Queimadura de sol?

A queimadura de sol é caracterizada por uma inflamação que pode apresentar-se como mancha avermelhada ou mesmo bolhas no local acometido. Seus sintomas são dor, queimação, ardência, pinicamento, mudança de textura da pele e, às vezes, bolhas. O aparecimento delas está ligado à profundidade e à gravidade da queimadura.

Tipos

As queimaduras de sol são classificadas em três graus:

  • As queimaduras de sol de primeiro grau atingem a camada mais superficial da pele: a epiderme. Quando ocorrem, causam avermelhamento (mancha escura) na pele
  • As queimaduras de sol de segundo grau atingem a epiderme e parte da derme mais profunda. É comum que a pessoa sinta dor, tenha inchaço e que forme quase bolha ou bolha superficial
  • As queimaduras de sol de terceiro grau atingem a camada mais profunda da pele. Esse caso é o mais grave, com formação de bolhas.

Causas

As queimaduras de sol devem ter diversas causas:

  • Permanência prolongada ao sol
  • Não uso do filtro solar
  • Contato ou uso de produtos sensibilizantes como: limão, perfumes, algumas frutas
  • Uso de remédios sensibilizantes ao sol (antibióticos, por exemplo).

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Qualquer tipo de queimadura, inclusive as queimaduras de sol, deve ser avaliada por médicos. Mas, quando o caso é muito grave, é essencial que o paciente procure um dermatologista. É sempre importante se lembrar de evitar o uso de produtos desconhecidos e de receitas caseiras. O dermatologista é o profissional mais bem preparado para auxiliar os pacientes.

Diagnóstico de Queimadura de sol

Para descobrir a gravidade da queimadura, não há exames de diagnóstico. Ele é feito por meio de avaliação clínica.

Tratamento e Cuidados

Cuidados

A orientação mais importante é procurar um serviço de saúde que possa avaliar o grau, extensão e comprometimento geral do paciente em relação às queimaduras de sol.

Tenha cuidado: não use nenhum produto, curativo ou receita caseira sem avaliação do médico. Qualquer conduta para amenizar as queimaduras de sol devem ser tomada pelo especialista. Cada caso é um caso e deve ser avaliado e tratado por especialista preparado para dar esse diagnóstico.

Tratamento de Queimadura de sol

Os tratamentos para queimadura de sol são variados, desde o uso de cremes calmantes e cicatrizantes (todos devem ser prescritos pelo médico). Já o uso de curativos especiais é indicado para os casos intermediários ou graves.

Veja os tratamentos de acordo com o grau da queimadura de sol:

  • Queimadura de sol de primeiro grau: usamse placas de silicone, que são colocadas na região e deixadas por de duas a oito horas, fechadas com curativo no local
  • Queimadura de sol de segundo grau: é necessária a limpeza local uma vez ao dia e uso de cremes com corticóides e antibióticos. É preciso esperar a bolha sumir e então tratar com soro fisiológico e cremes. Também são usados cremes hidratantes com vitaminas várias vezes ao dia
  • Queimadura de sol de terceiro grau: é preciso limpar muito com água corrente, romper a bolha e hidratar a pessoa com soro fisiológico se necessário. Usar cremes com antibiótico e esperar a bolha desaparecer. Enquanto está com bolha, somente usar cremes e antibióticos por via oral. Quando a bolha sumir, placas de silicone e cremes hidratantes são utilizados várias vezes ao dia.

Grandes queimaduras podem causar desidratação e choque, sendo muito graves. No caso de não ir para um serviço médico, lavar com água corrente e proteger-se do sol. Quando a área queimada for muito extensa, pode ser necessário hidratação com soro.

O laser com Dye laser que é um laser para vasos, melhora o aspecto da queimadura de sol.

Fontes e referências

  • Dra. Denise Steiner, dermatologista e presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) (CRM: 36.505)
Este conteúdo ajudou você?
Sim Não

Mais sobre

carregando...
  • já ajudou pessoas