PUBLICIDADE

Número de vegetarianos no Brasil dobra em 6 anos: veja benefícios e cuidados

60% dos entrevistados ainda disseram que seriam adeptos da dieta caso o preços dos produtos custassem o mesmo do que aqueles que costumam consumir

Segundo pesquisa do IBOPE Inteligência conduzida em abril de 2018, no Brasil, 14% da população se declara vegetariana (isso representa cerca de 30 milhões de brasileiros).

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A pesquisa mostra o interesse por produtos veganos (ou seja, livres de qualquer ingrediente de origem animal) na população em geral: mais da metade dos entrevistados (55%) declarou que consumiria mais produtos veganos se estivessem melhor indicados na embalagem, ou se tivessem o mesmo preço que os produtos que estão acostumados a consumir (60%). Nas capitais, esta porcentagem sobe para 65%.

Todas as informações da pesquisa estão no site da IBOPE Inteligência.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Benefícios e cuidados

O vegetarianismo tem ganhado espaço em todo o mundo. Muitas pessoas vêm, recentemente, evitando comer a carne e alimentos de origem animal (leite e derivados, carne, ovos) em favor dos vegetais. Benefícios à saúde são os principais motivos que levam muitas pessoas a adotar este tipo de alimentação.

Adotar uma dieta vegetariana pode ajudar na prevenção da hipertensão, reduzindo os níveis de pressão arterial. É o que afirma uma revisão de 39 estudos feita pelo departamento de medicina preventiva do National Cerebral and Cardiovascular Center, no Japão.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

No entanto, deve-se atentar para o fato de que a adoção de uma dieta vegetariana não necessariamente faz com que uma pessoa se torne mais saudável. Nosso corpo também precisa de proteínas e vitaminas. Abusar dos carboidratos é outro erro comum dos vegetarianos. Exagerar em pães, queijos, bolos e doces pode levar a um consumo de gorduras saturadas maior do que o realizado por uma pessoa que come carne.

Uma dieta vegetariana precisa ser rica em fibras e em alimentos de baixas calorias, visando suprir todos esses nutrientes. É importante não deixar de incluir cereais integrais, leguminosas, legumes, verduras, sementes e castanhas na dieta, já que eles contêm - juntos - todos os aminoácidos essenciais e não essenciais para o corpo.