PUBLICIDADE

Estudo relaciona infertilidade ao riscos de câncer de próstata

Homens inférteis podem ter 2,6 mais chances de desenvolver a doença

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Homens com problemas de fertilidade podem ter maior risco de desenvolver formas mais agressivas do câncer de próstata, segundo um estudo recente da Universidade de Washington, nos Estados Unidos.

Os pesquisadores avaliaram 22 mil homens da Califórnia, entre os considerados férteis e os que procuraram clínicas de tratamento da infertilidade nos anos de 1967 a 1998. Foi observado que, apesar da taxa de câncer de próstata não diferir significativamente entre os inférteis e aqueles sem problemas para ter filhos, os primeiros tiveram 2,6 vezes mais chances de serem diagnosticados com câncer de próstata avançado.

Os pesquisadores descobriram que, entre os que desenvolveram câncer de próstata, os inférteis eram mais propensos a ter um tipo de câncer mais agressivo, em comparação àqueles que não têm problemas de fertilidade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

De acordo com o pesquisador Thomas J. Walsh, esses resultados sugerem que homens identificados precocemente com o fator masculino de infertilidade precisam fazer a triagem do câncer de próstata o mais rápido possível, por causa do elevado risco de desenvolvimento da doença.

Estudos anteriores sobre a possível relação entre infertilidade e câncer de próstata apresentaram resultados conflitantes, na medida em que alguns disseram que homens que tiveram filhos apresentam menor risco de ter a doença, e outros mostrando não ser possível fazer tal relação. Sobre isso, o estudo recente destaca que o número de filhos não é um indicador eficaz da fertilidade masculina.