PUBLICIDADE

Você sabe usar adoçante no dia a dia?

Descubra como consumir, as quantidades e para quem o adoçante é mais indicado

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Hoje, qualquer cantinho com café acompanha pelo menos um tipo de adoçante. Sucralose, ciclamato, sacarina, aspartame, acessulfame-k e steviosideo (stevia) são os mais comuns. Com pouca ou nenhuma caloria, eles se tornaram uma boa alternativa para limitar a ingestão de açúcar sem abdicar do sabor doce dos alimentos. Tal característica, entretanto, também fez com que os adoçantes começassem a ser usados sem qualquer moderação, parecendo indiferente dar esguichadas ou pingar algumas gotinhas do líquido. Mas será que o exagero não traz qualquer consequência? E, afinal, ele desempenha um papel importante na dieta? Para responder essas e outras dúvidas, elaboramos o quiz que você confere a seguir:

1/9

Adoçantes podem ser usados sem moderação?

2/9

Quais os riscos do consumo excessivo de adoçantes?

3/9

Qual o adoçante mais recomendado para se usar em receitas de bolos?

4/9

Adoçantes podem ser usados por gestantes?

5/9

Qual o melhor adoçante para bebidas?

6/9

Adoçantes são recomendados para quem sofre de diabetes?

7/9

Adoçantes podem ser usados por crianças?

8/9

O uso de adoçantes por adultos saudáveis é 100% seguro?

9/9

O ciclamato não é indicado para quem sofre de: