PUBLICIDADE

Base em spray deixa maquiagem natural, mas aplicação pode ser desastrosa

Compare vantagens e desvantagens do produto que promete praticidade na hora do make

Já ouviu falar na regra de ouro da maquiagem "menos é mais"? "Ficar com um aspecto de pele artificial detona qualquer make", explica o consultor de imagem e beleza Alexandre Krizek, proprietário do Instituto Krizek. Tudo começa pela cobertura da pele, que para ser elegante deve ter o aspecto mais natural possível. Entram em cena, então, as bases em spray que prometem não só praticidade, mas, principalmente, uma camada mais fina e, portanto, discreta. Mas será que ela é realmente a melhor a opção? Veja o que os especialistas falam sobre ela:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Cobertura

Mulher passando base com pincel - Foto Getty Images
Mulher passando base com pincel - Foto Getty Images

Segundo a maquiadora profissional Rita Fischer, com formação no Centro Avançado de Estética Payot, as bases em spray criam uma textura mais fina sobre o rosto. "Ela não deixa uma cobertura pesada e ainda pode ser aplicada no resto do corpo (colo e pescoço) com mais praticidade, evitando grandes contrastes na pele", explica. Por outro lado, essa camada fina nem sempre consegue disfarçar imperfeições como manchas ou sardas. Nestes casos, a base spray pode deixar a desejar, mas também vai depender da qualidade do produto.

O perigo da oleosidade

Mulher lavando o rosto - Foto Getty Images
Mulher lavando o rosto - Foto Getty Images

Se sua pele é oleosa, você deve optar por bases específicas para esse tipo de pele, as chamadas oil-free. Mas não é apenas a base que pode comprometer o aspecto da pele. "Muita gente deixa de usar hidratante com medo de que ela fique ainda mais oleosa, o que não passa de mito, desde que você escolha o produto certo", alerta a maquiadora Rita. Segundo ela, independente do tipo de pele, não podem faltar hidratante, protetor solar e primer antes de aplicar uma base. Se, mesmo assim, a pele ficar oleosa, você ainda pode usar um pó para controlar o brilho.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Aplicação difícil

Mulher passando base com esponja - Foto Getty Images
Mulher passando base com esponja - Foto Getty Images

"Em geral, a melhor aplicação é a recomendada pelo fabricante, por isso, sempre leia a embalagem do produto antes de usá-lo", recomenda o consultor de beleza Alexandre. Segundo ele, algumas bases em spray devem ser aplicadas em uma superfície lisa, como uma paleta de metal, e, só em seguida, no rosto, com a ajuda de um pincel. Outras podem ser aplicadas diretamente na pele, mas com cuidado. "É difícil não cobrir sobrancelhas e terminar o procedimento com a raiz dos cabelos ilesa", alerta o profissional. As roupas também podem sofrer com respingos do produto. Neste caso, retire os excessos com um cotonete. Se preferir, ainda é possível colocar o produto no dorso da mão e aplicá-lo com um pincel no rosto. Evite usar as mãos para não deixar a pele oleosa.

Embalagem econômica

Pincel e base - Foto Getty Images
Pincel e base - Foto Getty Images

A base em spray libera uma camada bem fina do produto, então, não há grande desperdício. Se você optar por aplicá-la em outra superfície antes de cobrir a pele, jogue pequenas quantias e reponha apenas quando usar tudo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Acerte no tom

Mulher passando base no rosto - Foto Getty Images
Mulher passando base no rosto - Foto Getty Images

Para acertar o tom da base, escolha uma marca que ofereça provador, sugere o consultor de beleza Alexandre. Ele lembra ainda que o produto deve ser aplicado no rosto e não no dorso da mão. "Você vai usar a base no rosto, então deve fazer o teste da cor no rosto", afirma. O profissional não recomenda misturar duas bases para chegar a um terceiro tom. "Encontre uma marca que tenha o tom certo para sua pele", diz. Segundo ele, cosméticos não preveem combinações, então algumas características (hidratação, iluminação) podem ser perdidas nesse processo. Para evitar a misturinha, a maquiadora Rita sugere adquirir três tons diferentes para dias em que você estiver mais ou menos bronzeada e para quando estiver com o tom natural da pele.

Reaplicação

Mulher aplicando base no rosto - Foto Getty Images
Mulher aplicando base no rosto - Foto Getty Images

"O tipo de pele, o clima e a qualidade do produto influenciam na duração da maquiagem", aponta a maquiadora Rita. Mas de forma geral, o make costuma durar cerca de seis horas.

Remoção

Mulher tirando maquiagem com algodão - Foto Getty Images
Mulher tirando maquiagem com algodão - Foto Getty Images

A base em spray não é mais difícil de remover do que qualquer outra base. "Usando um bom demaquilante e algodão macio, não há problema", explica a maquiadora Rita. Segundo a profissional, o produto é extremamente líquido e de baixa pigmentação, então a remoção é simples. Após o uso do demaquilante, ela recomenda lavar o rosto com água e, por fim, usar um tônico para equilibrar o PH da pele.