PUBLICIDADE

Plásticas para rejuvenescimento devem ser feitas com cautela

É importante que o cirurgião plástico oriente seus pacientes para que não ocorram excessos

A cirurgia plástica está presente na TV, nas revistas, nas rodas de conversa, na moda, e as estatísticas comprovam que cada vez mais mulheres e homens, procuram os procedimentos. Mas é importante ressaltar que a cirurgia plástica moderna deve respeitar a individualidade de cada paciente e o principal foco deve ser sempre a conquista de resultados naturais e indetectáveis.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Hoje em dia, é comum observarmos mulheres, principalmente celebridades, que deformam seus rostos ao exagerar em cirurgias plásticas e outras intervenções visando o rejuvenescimento. Cabe ao cirurgião orientar a paciente sobre os limites da plástica e sobre os resultados que podem ou não serem alcançados. Um profissional ético deve desaconselhar qualquer procedimento que cause aberrações ou exageros.

O objetivo de qualquer cirurgião plástico deve ser o de ajudar seus pacientes a ter expectativas realistas quanto aos procedimentos, oferecendo níveis altamente profissionais de informações sobre a cirurgia proposta e auxiliar na tomada das melhores decisões, ou seja, aquelas que gerarão melhores soluções a curto e longo prazo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Até mesmo as cirurgias plásticas possuem limites, do que pode ou não ser feito e do que pode ou não causar resultados considerados saudáveis e bonitos.

A cirurgia plástica assume uma enorme importância na sociedade, já que uma intervenção bem executada pode aumentar a autoestima, influenciando os diversos aspectos da vida social, profissional e pessoal dos pacientes. A busca por uma aparência jovem é muito comum, mas é preciso fazê-la dentro das possibilidades existentes, de acordo com uma avaliação de cada caso.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

É possível perceber quando o desejo por uma aparência mais jovem está além do considerado saudável e são nesses casos, em que a paciente pede algo que foge das normas habituais da estética, que o cirurgião precisa ser firme e insistir no não. É preciso orientar e expor as desvantagens da realização da cirurgia, para evitar a criação de bizarrices.

A filosofia da cirurgia plástica é melhorar a qualidade de vida das pessoas e conquistar resultados de qualidade, os mais naturais possíveis. O cirurgião plástico deve ser um médico sério e comprometido, e deve sempre orientar cada paciente sobre os procedimentos, as expectativas e os limites para um resultado realmente bonito e jovem, dentro das possibilidades de cada um.