PUBLICIDADE

Bolsa nos olhos: entenda como se livrar deste problema

A área dos olhos é a primeira a mostrar os sinais da idade, o cansaço e a sofrer com as indesejáveis bolsas

Alvo das principais queixas de muitas pessoas ao longo dos anos, as bolsas nos olhos são as primeiras a denunciar os sintomas da idade e do envelhecimento da pele. Outras causas muito comuns são estresse e pouco descanso durante a noite.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para este problema, existe a blefaroplastia, uma cirurgia que é realizada através de incisões localizadas nas linhas naturais das pálpebras superiores e logo abaixo dos cílios nas pálpebras inferiores.

Após incisar a pele, o cirurgião separa a pele da musculatura e gordura subjacentes, retira os excessos de gordura das bolsas palpebrais e remove as áreas de músculo e pele flácidos. As incisões são suturadas com fios finos e delicados. A região das pálpebras apresenta um perfil de cicatrização muito favorável e as cicatrizes tendem a se tornar imperceptíveis após alguns meses.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Outros tipos de bolsas

Alguns pacientes possuem bolsas de gordura abaixo das pálpebras inferiores, sem flacidez de pele. Neste caso podemos indicar a blefaroplastia transconjuntival, em que a incisão e a remoção de gordura das bolsas é realizada através de uma incisão por dentro da pálpebra inferior, sem deixar cicatrizes externas.

Com o passar dos anos, a aparência de envelhecimento da região pode ser acentuada pela queda do canto lateral dos olhos, com exposição da conjuntiva (área branca dos olhos) abaixo da íris (parte colorida dos olhos). Nestes pacientes podemos realizar a cantopexia, um procedimento que reposiciona o canto lateral através de um ponto de fixação nos ossos ao redor do olho, restaurando a anatomia local e melhorando o contorno estético.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Uma das maiores novidades em termos de técnica cirúrgica para esta região é a possibilidade de tratar os músculos responsáveis pelas rugas profundas de expressão que frequentemente aparecem entre as sobrancelhas. Esta hiperatividade muscular pode gerar uma aparência de seriedade excessiva e cansaço, que são as queixas mais comuns destes pacientes. Atualmente, os músculos desta região podem ser atenuados através da mesma incisão utilizada na blefaroplastia superior, sem cicatrizes adicionais.

Finalmente, convém lembrar que a blefaroplastia não é capaz de remover os "pés de galinha", rugas profundas, áreas escuras em volta dos olhos, e sobrancelhas caídas. O procedimento pode ser realizado sozinho (somente nas pálpebras superiores, inferiores ou ambas) ou associado a outras cirurgias.