PUBLICIDADE

Celulite: como os movimentos do dia a dia podem reduzi-la

Evitar ficar muito tempo parado e praticar atividades físicas ajudam na redução dos furinhos na pele

A celulite é um problema causado principalmente por acúmulo de gordura local, flacidez muscular e problemas de circulação. Por isso mesmo, incluir mais movimentos no dia a dia é uma boa pedida para evitar o problema.

A rotina mais ativa, ou seja, a fuga do sedentarismo, auxilia na minimização do quadro de celulite, mas não é tudo. Movimentar-se, de modo geral, mesmo que em intervalos durante o expediente de trabalho, auxilia no retorno venoso e na circulação, diminuindo possíveis edemas ao final do dia.

A atividade física pode contribuir para a melhora do tônus muscular e do retorno venoso. A recomendação é trabalhar a musculatura flácida, que reforça a irregularidade do tecido, piorando o aspecto visual. Com a melhora do tônus muscular, o tecido fica mais regular, melhorando o contorno corporal. Até mesmo os exercícios de alongamento são uma boa escolha, assim como subir e descer escadas, caminhar e dançar. É essencial, no entanto, buscar orientação de profissionais qualificados, a fim de evitar possíveis lesões.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Outros fatores que ajudam a reduzir a celulite

Algumas regiões do corpo, como porção superior da coxa (interna e externa), abdômen, área interna de joelho, braço e glúteo, são normalmente mais afetadas pela lipodistrofia ginoide, nome científico da famosa celulite. Esse quadro produz uma retração irregular da superfície da pele e dá um aspecto tipo "casca de laranja", promovendo alterações no contorno corporal, sendo muito comum em mulheres.

Em geral, nesses casos, a pessoa apresenta gordura na região acometida e pode ter excesso de gordura corporal total. Mas até mesmo pessoas com baixo peso ou peso normal podem ser acometidas pela celulite.

Alguns fatores são extremamente importantes na avaliação da celulite e seus graus. E o fato de ser comum o aparecimento após a puberdade e em mulheres sugere relação hormonal. São fatores predisponentes ou agravantes:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Indivíduos com distúrbios circulatórios podem sofrer com a celulite, muitas vezes, pela diminuição do retorno venoso quando, por exemplo, há aumento de tamanho das células de gordura na região e mudança em seu aspecto, comprimindo mais os vasos locais, dificultando a circulação. Consequentemente, há diminuição da oxigenação tecidual e de metabolismo e aumento da retenção de líquido (inchaço).

Por isso o uso de roupas muito apertadas e tecidos muito grossos, por exemplo, pode comprimir áreas e dificultar a circulação local, bem como diminuir a oxigenação do tecido e piorar o quadro de celulite. A hidratação da pele também é sempre importante, assim como a boa alimentação.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)