PUBLICIDADE

Entenda os riscos da lipoaspiração e como evita-los

Normalmente, esse tipo de problema está relacionado à escolha do profissional

Muitas pessoas consideram a lipoaspiração uma cirurgia simples. Quem nunca escutou alguém dizer que ia fazer só uma "lipinho" ou que só queria tirar as gordurinhas que estão sobrando? É razoavelmente comum essa simplificação para o procedimento de lipoaspiração.

No entanto, de tempos em tempos escutam-se notícias sobre mortes relacionadas a procedimentos de lipoaspiração, que mostram que existe sim uma série de riscos que pode estar relacionada a essa cirurgia, principalmente se ela for feita de forma inadequada.

Como prevenir os riscos da lipoaspiração

O risco mais comum em uma lipoaspiração é o sangramento e um dos riscos mais temidos são de perfuração de órgãos e embolia, ambos felizmente são pouco comuns de acontecer.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O médico que realiza a lipoaspiração deve ser o cirurgião plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, que é apto para trazer bons resultados e contornar intercorrências.

Ele tomará uma série de cuidados, como:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Em casos em que, infelizmente, ocorreram o falecimento do paciente, é comum observarmos alguns pontos: o médico não era realmente cirurgião plástico; ultrapassou-se o limite de 7% de gordura aspirada; técnica imprópria; falta de infra-estrutura de suporte de vida ao paciente.

Por isso, a escolha o local onde vai ser a cirurgia assim como do seu cirurgião deve ser muito ponderada.

Lipoaspiração com anestesia local ou a mini-lipo têm menos riscos?

Lipoaspirações que retiram pequenas quantidades de gordura podem, eventualmente, ser feitas apenas com anestesia local. No entanto, não costuma ser muito confortável para a paciente. Essa conduta muitas vezes tem o objetivo apenas de tornar o procedimento mais barato, com o intuito de evitar internação em hospital. No entanto, não é livre de intercorrências, assim como qualquer outra técnica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Ainda não existe a melhor técnica de lipoaspiração ou lipoescultuta. Alguns chamam de vários nomes: lipo de Beverly Hills, mini-lipo, hidro-lipo, etc. O que precisamos saber é respeitar o corpo da paciente para tornar o procedimento o mais seguro possível. Afinal, a saúde é mais importante do que a aparência.

Este artigo foi redigido pelo cirurgião plástico Dr. Marcelo Wulkan (CRM 108732/RQE 28948), possui doutorado pela USP e é membro da Sociedade Americana e Brasileira de Cirurgia Plástica