PUBLICIDADE

Como evitar estrias após colocar silicone

Veja quais os cuidados tomar antes da cirurgia para essas marcas não apareçam

As estrias são cicatrizes na pele provocadas pelo rompimento das fibras elásticas, ou seja, o esgarçamento sempre que a pele sofre um estiramento abrupto. O implante de silicone pode provocar estrias pelo rápido estiramento da pele, mais recorrente em próteses muito grandes.

O colágeno e a elastina são fibras na derme, parte mais profunda da pele, que garantem a sustentação e a elasticidade do tecido. O rompimento compromete essas funções, deixa mais fina a epiderme, camada superficial da pele, e leva a uma depressão no local da estria.

É comum o surgimento das estrias após a colocação da prótese de silicone, devido à distensão dos tecidos mamários e da pele, quando o implante é posicionado nas mamas. A pele vai precisar acomodar um volume até então inexistente na região peitoral.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Em lesões recentes, as estrias apresentam o tom avermelhado e com leve relevo devido à inflamação. Quando já são mais antigas a aparência é esbranquiçada ou marrom, com suave depressão. Em alguns casos, as estrias já existiam antes da cirurgia e alargaram devido ao novo formato dos seios.

Quando a prótese é muito grande, a situação se agrava, pois a pele sofre mais esticamento. Por isso é tão importante que a prótese esteja adequada ao biotipo, evitando exageros e aparência artificial. É melhor apostar em um efeito mais natural.

Entretanto, até mesmo a prótese menor pode levar ao surgimento das estrias. É o caso de quando a mulher apresenta mamas pequenas, com o tecido de revestimento firme e aderido ao tórax, o que dificulta a colocação da prótese.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Outra alternativa à mamoplastia de aumento é o enxerto da própria gordura do paciente nos seios. Além de dar maior volumerização, a lipoenxertia mamária suaviza o aspecto da prótese de silicone e corrige pequenos defeitos e assimetrias.

Após uma lipoaspiração, a gordura corporal eliminada depois de tratada é implantada na mama. A gordura firma o contorno das mamas, quando o resultado não foi suficiente apenas com a reconstrução do implante de silicone.

Prevenção das estrias

Faça a sua parte e invista na hidratação. É necessário deixar a pele preparada para o estiramento. Uma boa hidratação torna as fibras elásticas com menor risco de rompimento, por que uma pele com boas condições suporta o estiramento sem romper as fibras de colágeno e elastina.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O ritual com cremes hidratantes deve ser ao menos duas vezes ao dia, um mês antes e três meses depois da cirurgia. As loções e cremes de hidratação formam uma barreira que diminui a perda de água e ajudam a pele a capturar a umidade, mantendo a hidratação e elasticidade do tecido.

E como a hidratação começa de dentro para fora, beber água faz muito bem para a saúde e ajuda a manter a elasticidade da pele. É essencial ingerir dois litros de água por dia. E, lembre-se, seja lá qual for a situação, use sempre protetor solar diariamente.

A radiação ultravioleta (UV), prejudica as células de colágeno da pele. Utilizar o filtro solar todos os dias é fundamental para a saúde da pele e diminuir as chances de surgimento das estrias. Com as células afetadas, fica difícil estimular a produção de novas fibras de colágeno, comprometendo até o processo de cicatrização.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Além disso, reveja o seu estilo de vida. Para uma pele mais firme é preciso se alimentar de maneira equilibrada, praticar exercícios de forma moderada e evitar variações de peso, como o "efeito sanfona", além de ficar longe dos excessos do álcool e cigarro.

A drenagem linfática é uma aliada para conter as estrias nas mamas, depois da cirurgia. Facilita para que as mamas desinchem mais rapidamente, o que diminui a probabilidade de maior estiramento sobre a pele.

Tratamentos para estrias pós silicone

Aplicações de ácido hialurônico nas camadas subdérmicas ou nas depressões das estrias vão preencher o espaço vazio. Essas ações ativam a renovação celular e a produção de novas fibras de colágeno. A substância também atrai água para o interior dos tecidos, garantindo hidratação mais profunda, com melhor aparência, firmeza e tonificação da pele.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Porém, tratamentos que atuam no combate as estrias não devem ser realizados nas primeiras semanas do pós-operatório do implante de silicone. Eles podem levar ao aparecimento de estrias nos seios e em outras partes do corpo.

Utilizar o sutiã pós-operatório também é uma recomendação importante que faz toda diferença. Não deixe que as estrias comprometam o resultado do seu novo visual!