1 pessoa perguntou:

Com qual frequência pode-se fazer a drenagem linfática?

  • Respondido em 10/06/2017
    Alessandro Costa Fisioterapia - CREFITO 57146-F/RJ
    Olá,

    Olá,

    A Drenagem Linfática é um tipo de procedimento que prevê uma massagem não muito vigorosa, mas cuja pressão é praticada na medida certa. Dessa forma, as mãos do profissional costumam deslizar até os pontos onde os gânglios linfáticos estão situados. Os gânglios linfáticos encontram-se principalmente na região das axilas, pescoço e virilhas.

    Uma pressão inadequada sobre os gânglios linfáticos pode causar a danificação dos mesmos e prejudicar a sua função. Motivo pelo qual esse tipo de massagem deve ser praticado por um especialista.

    A drenagem linfática pode ser realizada em pessoas que apresentam cansaço extremo, inchaço, retenção de líquidos ou que passaram por processos cirúrgicos como parto e cirurgias plásticas.
    O ideal é que o procedimento seja feito uma vez por semana. O tempo de duração do tratamento depende de caso a caso.

    Após a implantação de próteses mamárias ou lipoaspiração a drenagem linfática também é indicada, já que ocorre um processo inflamatório que gera um excesso de líquidos fora dos vasos e das células, conhecido como edema. Este edema precisa ser tratado para uma recuperação mais rápida do paciente e menos incômodo físico.

    Mulheres que sentem dores nas coxas e no glúteos por conta das celulites também podem aproveitar dos benefícios da drenagem linfática, afinal a técnica alivia o problema.

    Praticamente todas as pessoas podem se beneficiar da drenagem linfática, salvo aquelas com diagnóstico de câncer, flebite, asma brônquica, bronquite asmática, infecções graves ou agudas, as que apresentam uma parte do corpo inchada com vermelhidão e dor local, as que estão com mal estar, pessoas que sofrem da síndrome seno carotídeo, hipertiroídismo, hipertensão e insuficiência cardíaca.

    Após se certificar de que pode aproveitar dos benefícios da drenagem linfática, é importante e buscar profissionais certificados, sérios e experientes, sejam massoterapeutas ou fisioterapeutas.

    Dr. Alessandro Costa
    Fisioterapeuta
    Crefito 57146-F

    PUBLICIDADE