PUBLICIDADE

Orgasmos ajudam a aliviar efeitos da TPM no ciclo menstrual

Mais do que prazer, a excitação máxima pode proporcionar às mulheres uma melhora nas dores e tensões pré-menstruais

A cada ciclo menstrual, muitas mulheres vivenciam a chamada Tensão Pré-Menstrual (TPM) ou Síndrome Pré-Menstrual (SPM). Nesse período, é normal que apareça um conjunto de efeitos típicos que podem acarretar em uma série de incômodos ao corpo feminino.

Para ajudar a aliviar os sintomas da TPM, o orgasmo pode ser um grande aliado das mulheres - e não é apenas pelo prazer que ele proporciona durante o sexo ou masturbação. Entenda como ele pode ser benéfico para o bem-estar feminino e conheça outras maneiras naturais de driblar a TPM:

TPM: o que é e por que acontece

Embora nem todas as mulheres sofram essa condição, o fenômeno é uma característica muito comum do ciclo menstrual. Existem diferentes tipos de TPM e, entre suas características, destacam-se alterações de humor, dificuldade para dormir, irritabilidade, dores de cabeça e inchaços no corpo (seios, extremidades e abdômen).

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Sendo um efeito natural do corpo feminino, a TPM ocorre como resultado da variação hormonal pela qual as mulheres passam nesse período.

Durante 28 dias, em média, o corpo da mulher sofre diversas mudanças que preparam o útero para receber um bebê. Nos primeiros 14 dias, ocorre o período de ovulação e, junto com ele, há a elevação dos níveis de estrogênio. Esse hormônio é um dos responsáveis por controlar o bem-estar feminino.

Entre o 14º e o 16º dia após a elevação do estrogênio, acontece uma grande queda nos níveis desse hormônio e uma elevação de outro hormônio também importante para o ciclo menstrual: a progesterona. Essa alteração pode causar uma série de sintomas, como ansiedade, alterações de humor, dores nos seios e outros tantos conhecidos das mulheres.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Passados 14 dias, o endométrio (parede que recobre o útero) começa a descamar e ser eliminado na forma de menstruação, gerando a queda de progesterona e estrogênio. Por isso, em algumas mulheres, os sintomas podem ser ainda mais intensos durante a menstruação.

Além de toda a oscilação hormonal, há ainda a queda dos níveis serotonina no corpo, neurotransmissor fundamental para regular o humor, o sono, o apetite, as dores e o prazer. Desta forma, a TPM provoca diferentes sintomas, que podem ocorrer antes e durante a menstruação.

Como o orgasmo alivia a TPM

Diante de todos os efeitos causados pela TPM, o orgasmo se torna mais do que apenas um contraponto de prazer no meio de tantos incômodos. Isso porque, segundo a ginecologista e sexóloga Carolina Ambrogini, ele provoca a liberação de endorfinas no corpo, substâncias responsáveis pela sensação de bem-estar e que são capazes de neutralizar a baixa de serotonina.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"Assim, para aliviar os sintomas da TPM, o sexo ou a masturbação podem ser alternativas. Porém, a mulher precisa estar disposta, porque ela pode estar irritada, não querendo transar. Mas o orgasmo é algo que pode melhorar os sintomas de irritabilidade", explica.

Orgasmo ajuda a aliviar a cólica menstrual?

Carolina Ambrogini reforça que não existem publicações científicas que mostrem que o orgasmo consiga aliviar outros efeitos da TPM. Ainda que ajude a controlar os níveis de irritabilidade, quando o assunto é cólica menstrual, ele já não se mostra 100% benéfico.

"A cólica menstrual é a contração do músculo uterino. O útero é um órgão oco e o músculo contrai para expulsar o sangue durante a menstruação", explica. Segundo a médica, no orgasmo, essa mesma contração também acontece e, por isso, pode ser que a mulher sinta uma exacerbação da cólica.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

?Algumas mulheres podem não se beneficiar com os orgasmos durante a menstruação, porque podem sofrer cólicas abdominais dolorosas e um consequente desconforto?, acrescenta a ginecologista Larissa Cassiano. Assim, para as mulheres que notam piora dos sintomas ao atingir o orgasmo, não é indicado que se masturbem ou tenham uma relação sexual neste período.

Desse modo, o recomendado para o alívio das cólicas menstruais, de acordo com a ginecologista Bárbara Murayama, é que a mulher faça testes para reconhecer as causas e recorra a tratamentos direcionados para o quadro, como o uso de analgésicos devidamente indicados por um especialista.

Tratamento natural para TPM

Além do orgasmo, outras alternativas naturais ajudam a controlar os sintomas da TPM. Junto com uma alimentação equilibrada, que englobe alimentos ricos em cálcio, magnésio, ácidos graxos e vitaminas C, B12, B6 e B1, a mulher pode apostar nas seguintes ações:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

TPM: cuidados

Pilates ajuda a aliviar sintomas da TPM; veja como

TPM provoca até 150 sintomas de mal-estar

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

TDPM é mais intensa que a TPM e precisa de tratamento