PUBLICIDADE

Marido faz serenata todos os dias para esposa com Alzheimer

O músico afirma que as serenatas diárias são um meio de se conectar com a mulher

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Após realizar exames solicitados por um neurologista, Fátima Teixeira foi diagnosticada com Alzheimer. Isso aconteceu há 11 anos. Na época, ela já estava casada com o músico Lúcio Yanel, que hoje tem 72 anos. Para tornar a realidade da esposa menos árdua, ele resolveu entoar serenatas diariamente para fazê-la se sentir amada.

Crises de choro e a sensação de estar perdida são sentimentos recorrentes na rotina de Fátima. Segundo o marido, é como se a esposa vivesse em um mundo distante. E para diminuir essa distância, ele faz as serenatas.

O casamento já dura 25 anos, e atualmente, a mulher vive o momento mais turbulento de sua vida, não sendo mais capaz de andar, falar ou se alimentar sozinha. Em entrevista à BBC News Brasil, o artista afirmou que ela precisa de ajuda para tudo e passa o dia inteiro na cama.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Como o caso repercutiu

Na última quarta-feira (23), Lúcio divulgou em sua página no Facebook, a primeira foto dos dois juntos desde que a mulher entrou em estado crítico. "Já faz alguns anos que o maldito Alzheimer, vai me roubando a minha amada companheira. E para que me sinta ao seu lado, minhas serenatas diárias. Ela é Sueli de Fátima, amada companheira, tu é o meu melhor público", escreveu no post.

Até o momento, a publicação gerou 50 mil reações e 59 mil compartilhamentos, devido ao seu conteúdo emocionante. Ainda em entrevista à BBC, ele comentou que ficou receoso em parecer piegas com a publicação. Ao contrário do que muitos podem pensar, para Lúcio foi difícil tornar a situação pública.