PUBLICIDADE

Aplicativo tem "botão de pânico" para mulheres em risco de violência

Em poucos cliques, é possível acionar contatos de confiança e gravar momento da agressão

Um relacionamento abusivo pode ter diversas fases: o desprezo, a chantagem, o xingamento e, por fim, uma agressão física. Entre pedidos de desculpa e promessas de melhora, nem sempre é possível prever o próximo momento de desespero. E pior: nem sempre é possível fugir dele. Um aplicativo quer ajudar mulheres a denunciarem momentos de violência.

Criado pela equipe da revista AzMina, o aplicativo PenhaS tem como intenção conscientizar, promover o diálogo e ajudar na denúncia da violência contra a mulher. Por enquanto, está disponível apenas para o sistema operacional Android.

Na área GritaPenha, é possível cadastrar contatos de pessoas próximas que receberão um SMS caso você sinalize que está sob perigo. Com outro clique, você ativa um gravador que guarda o áudio do ambiente em que você está e pode servir de provas caso sofra agressão.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

No DefendePenha, há um chat em que você conversa com mulheres próximas e troca experiências e histórias. Já no EmpoderaPenha, é possível encontrar informações básicas sobre violência contra a mulher.

Por que é tão difícil denunciar um abuso ou assédio?

Para quem nunca esteve na situação de sofrer agressão de um parceiro, é difícil entender como pessoas continuam em relacionamentos abusivos e não denunciam seus agressores. Segundo a psicóloga Raquel Baldo, o processo de uma mulher optar pela denúncia ou não, por buscar ajuda ou não, requer enfrentar consigo mesma novamente uma nova violência, através de um outro lugar.

Este artigo explica por que é tão difícil denunciar um abuso ou assédio.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)