PUBLICIDADE

Umas gotinhas a mais sobre os medicamentos homeopáticos

Dúvida cruel: O que fazer  com a sobra do remédio?

Bulas em remédios: não tem jeito?
- Mas doutor, como é que eu vou saber pra que serve o remédio de homeopatia?

Não há como indicar para que serve este ou aquele outro medicamento homeopático.

O remédio é usado para quem (paciente) e não para o quê (doença). Você apresenta um conjunto de sintomas, em um determinado momento, com algumas características (clima, horário, duração, intensidade, causa, etc.) que indicam, às vezes, remédios diferentes para situações aparentemente semelhantes ou remédios iguais para situações aparentemente diferentes.E o que fazer com todos aqueles vidrinhos que sobram ?
- Mas doutor, sobra muito remédio em cada vidrinho !!!!
- Mas doutor, sobram muitos vidrinhos que eu não usei até o final !!!!
- Mas doutor, o que é que eu faço com tudo isso que sobra ???????

Calma !!! Muita calma nessa hora !!!

Quando receitamos o remédio de fundo, como o medicamento é tomado por mais tempo, não costuma sobrar muito. Mesmo assim, nossa orientação é sempre guardar, pelo menos o último vidrinho usado, porque ele pode voltar a ser útil e necessário, desde que esteja dentro do prazo de validade.

Às vezes, ao aumentarmos a potência receitada (por exemplo, de 18 para 30 CH), aparecem alguns sinais que nos mostram que nossa conduta foi inadequada e que ainda deveríamos manter a potência anterior por mais algum tempo, até que sua ação se esgotasse.

Nessa situação, nossa orientação pode ser voltar à potência anterior por mais algum tempo e, posteriormente, aumentarmos novamente a potência.

Nos casos de remédios circunstanciais, receitados para um quadro agudo, como a quantidade utilizada costuma ser bem menor, a sobra do medicamento é maior. Como já dissemos anteriormente, cada um adoece como pode e não como quer. Isso significa que nós adoecemos, normalmente, da mesma forma, pelas mesmas razões e, provavelmente, necessitaremos dos mesmos medicamentos.

Assim, se estiverem dentro do prazo de validade, guardem os remédios para uma posterior utilização, se houver necessidade.

Além disso, é interessante que vocês anotem os nomes e as potências dos medicamentos que vocês possuem em casa. Tenham esta lista à mão quando telefonarem para seu homeopata. Assim, ficará mais fácil prescrever algo que possa ajudá-los, em uma situação aguda.