PUBLICIDADE

Dermatite ocre: causas e formas de prevenção

Fazer exercícios para melhorar a circulação do sangue e usar meias de compressão ajudam a evitar a dermatite ocre

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

O significado de derma é pele e "ite", como tantas outras "ites" (amigdalite, faringite, labirintite etc.), é uma inflamação. O termo ocre vem da variedade de argila colorida por óxido de ferro, rica em hematita. É uma cor resultante da combinação do amarelo com o rosa e o preto em proporções adequadas. Então, dermatite ocre é uma inflamação da pele de cor marrom avermelhada.

A causa principal da dermatite ocre, ou dermatite de estase, é a hipertensão venosa, que acarreta uma dilatação das veias com saída de sangue. O sangue naquela região fora do vaso é considerado um corpo estranho e o organismo sabiamente cria uma reação inflamatória local para combatê-lo.

Na composição do sangue existe a presença de hemossiderina, que contém ferro. Desta forma, quando é submetido a uma reação inflamatória, ele se fixa na pele dando aquela coloração marrom, que em última análise é uma ferrugem. Ou seja, os pacientes portadores de dermatite ocre estão enferrujando.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Quando a pessoa fica muito tempo parada na mesma posição, tem varizes de membros inferiores, está com excesso de peso ou já teve uma trombose venosa ou algum fator que cause dificuldade do retorno do sangue venoso, esta dificuldade vai levar a uma hipertensão venosa, que acarreta uma inflamação venosa.

Como tratar a dermatite ocre?

Assim, cria-se um ciclo vicioso perverso: a inflamação piora a hipertensão e a hipertensão piora a inflamação. Para resolver o problema temos que combater a hipertensão venosa.

Foto: Reprodução/Shutterstock
Foto: Reprodução/Shutterstock

Primeiro, se a pessoa tem necessidade de ficar longos períodos imobilizada na mesma posição, seja assentada ou de pé, deve-se estimular a caminhar e movimentar a musculatura da panturrilha a cada hora para fazer o sangue venoso circular. Fazendo exercícios como o da foto abaixo:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Foto: Reprodução/Shutterstock
Foto: Reprodução/Shutterstock

Outra boa opção é o uso de meias elásticas medicinais, que ajudam no retorno venoso.

Foto: Reprodução/Shutterstock
Foto: Reprodução/Shutterstock

Outra medida muito eficiente e bem fácil é levantar as pernas acima do nível do coração por alguns minutos diversas vezes ao dia, ou seja, usar a lei da gravidade a seu favor. As pernas elevadas vão facilitar o retorno do sangue venoso e combater a hipertensão venosa.

Foto: Reprodução/Shutterstock
Foto: Reprodução/Shutterstock

Existem alguns medicamentos venotônicos que ajudam a quebrar esse ciclo, combatendo a hipertensão e a inflamação venosa. Além disso, combater os fatores físicos desencadeantes do problema como a presença de varizes e excesso de peso que dificultam muito o retorno venoso.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Depois que a pele já ficou com a coloração marrom, o importante é deixá-la bem hidratada, pois ela costuma ser mais seca, o que pode dar vontade de coçar e eventualmente abrir uma ferida ou úlcera muito difícil de cicatrizar.

Também é muito importante evitar machucados, pequenas lesões e frieiras entre os dedos dos pés pela possibilidade de essa pequena lesão virar uma porta de entrada de uma bactéria e gerar uma infecção localizada ou mesmo uma erisipela.

Resumindo: fortaleça a musculatura da panturrilha, eleve as pernas com frequência, controle o peso, trate as varizes (se for o caso) e mexa-se, evitando ficar muito tempo parado na mesma posição.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)