PUBLICIDADE

Sexo oral em mulheres faz bem para a saúde do casal, diz estudo

Pesquisadores descobriram que a ação beneficia tanto quem faz, quanto a mulher que recebe

Descubra o poder de um sorriso.
Participe da newsletter

Preencha os campos* abaixo.
X

*Ao concluir, você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber novidades do Minha Vida e seus parceiros.

Cadastro efetuado com sucesso!

Uma pesquisa da Universidade do Estado de Nova York, nos Estados Unidos, descobriu que o sexo oral em mulheres faz bem para a saúde de quem recebe e de quem faz. A conclusão foi feita com base nos hábitos sexuais de mais de 150 casais heterossexuais e lésbicos.

Os participantes foram divididos em dois grupos: um deles tinha a missão de fazer sexo oral mais frequente na parceira e, o segundo, de forma limitada. Com as análises, os cientistas puderam notar uma grande diminuição no nível de estresse e ansiedade, além da melhora da qualidade do sono e bem-estar do casal no grupo que fez sexo oral frequentemente.

Isso se dá, de acordo com o estudo, aos hormônios ocitonina e DHEA, liberados no casal durante a relação sexual. Eles são responsáveis por combater doenças cardiovasculares e por carregarem propriedades sedativas, que proporcionam relaxamento tanto para quem recebe, quanto para quem faz o sexo oral.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)