PUBLICIDADE

Como acabar com a celulite em 7 passos

Até o que você come pode aumentar ou diminuir a celulite

Quando aparecem os furinhos tudo o que queremos saber é como acabar com a celulite. Apesar desta não ser uma tarefa fácil, com algumas mudanças de hábitos - aliadas, se necessário, a tratamentos estéticos - é possível dar fim a este incômodo. A celulite é conhecida no meio técnico como Lipodistrofia Ginóide, e ela aparece quando há uma alteração causada pelo acúmulo de gordura, água e toxinas nas células, fazendo com que essas células fiquem cheias e endurecidas, deixando o local com desníveis (ondulações e retrações) e nódulos.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

"O problema aparece quando os vasos sanguíneos são comprimidos, dificultando a nutrição celular e a retirada das toxinas dos tecidos", explica a dermatologista Daniela Landim, da Sociedade Brasileira de Laser. Fases de mudança hormonal, como a puberdade, a gravidez e a menopausa, quando há mais retenção de líquidos, tendem a piorar a situação. Ela não é uma condição médica grave, mas pode causar desconforto por causa da aparência que confere à pele. Veja a seguir como acabar com a celulite em sete passos:

1. Descubra o seu tipo de celulite

O primeiro passo para acabar com a celulite é descobrir qual tipo você tem. Hoje em dia são utilizadas duas escalas, a mais fácil de identificar em casa divide os sinais da celulite em quatro graus:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Para ver a escala mais nova, a "Celulite Severity Scale", método desenvolvido pelas dermatologistas brasileiras Doris Hexsel, Camile Hexsel e Taciana Dal Forno, clique aqui.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

2. O que beber para acabar com a celulite

O segundo passo para acabar com a celulite é incluir o consumo abundante de água na sua rotina. Apenas com este hábito já será possível notar mudanças não apenas na aparência dos furinhos e da pele no geral, mas sim no funcionamento de todo o organismo. "Beber bastante água é importante pois ela é o nosso líquido universal, o que faz as toxinas irem embora e os nutrientes chegarem à pele", diz a nutróloga Liliane Oppermann. Ela explica que como a celulite é um problema que junta um acúmulo de água e gordura sob a pele, mais água ajuda a melhorar a circulação e "varrer" este acúmulo para fora do corpo.

Para ajudar a combater o incômodo, os sucos e chás (naturais e sem açúcar) podem ser importantes aliados. Segundo Liliane, quando se mistura os dois, fazendo os famosos suchás, o seu desempenho pode ser ainda melhor. Podem ser utilizados chá de cavalinha, chá de hibiscos, chá verde, melão, melancia, abacaxi, morango ou melancia - é só escolher um chá e uma fruta e aproveitar.

3. O que comer para acabar com a celulite

O terceiro passo, continuando na mudança de dentro para fora para se livrar do problema, é escolher o que comer. "Hortaliças, fibras no geral - como aveia, quinoa, e versões integrais do arroz, pão etc. -, alimentos proteicos (ovo, carnes magras como frango, peixe e alcatra), além de grão de bico, lentilha e feijões são boas opções", diz a nutróloga Liliane. Segundo ela explica, em casos mais brandos, por mais que a pessoa faça exercícios, se ela não desenvolver uma massa magra não vai conseguir resolver este problema. Já as fibras melhoram o funcionamento intestinal, uma vez que o intestino preso reflete em problemas de circulação linfática (relacionada à pele e celulite).

Clique aqui para saber mais sobre os alimentos que ajudam a combater a celulite, flacidez e gordura localizada.

4. O que não comer para acabar com a celulite

Tão importante quanto saber o que comer para acabar com o incômodo é não deixar todo o esforço "ir por água abaixo" ingerindo alimentos que pioram o problema. Os maiores vilões são as comidas ricas em sal (sódio) ou açúcar, frituras, bebidas açucaradas e/ou gaseificadas, bebidas alcoólicas e alimentos ricos em gordura saturada no geral. "É importante lembrar que até os alimentos ricos em gorduras boas transformam-se em gordura trans, gordura saturada, compostos oxidantes e compostos pró-inflamatórios quando aquecidos a altas temperaturas", explica a nutricionista Vanessa Albacete. Todos esses processos inflamatórios que são desencadeados pelo que você come podem piorar a aparência da pele.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Conheça aqui os sete alimentos que você precisa fugir se quiser dar fim a celulite.

5. Melhores exercícios para acabar com a celulite

Quando se quer melhorar a aparência dos furinhos - e, principalmente, evitar que novos apareçam - fazer exercícios físicos é primordial. A atividade física além de ajudar a eliminar a gordura localizada no quadril e nos glúteos, também proporciona a melhora da circulação e, consequentemente, o aspecto da pele. As melhores opções para diminuir as celulites são corrida, caminhada, andar de bicicleta, musculação e pilates.

Veja aqui sete exercícios que ajudam a eliminar a celulite e ainda deixam o bumbum durinho.

6. Massagens e drenagens ajudam a eliminar a celulite

Aqui começamos nos procedimentos estéticos mais simples, e que podem ajudar a melhorar a aparência da pele quando combinados com os passos anteriores. Massagens, drenagem linfática e até a automassagem podem ajudar a diminuir as toxinas uma vez que ocasionam a melhora da circulação.

A drenagem linfática, por exemplo, além de melhorar a circulação, ajuda a retirar as toxinas dos tecidos. "Justamente por atuar nessas duas frentes, o tratamento é tão eficaz", afirma a médica Daniela Landim. Quando ela é realizada duas vezes por semana, os resultados surgem no dia seguinte: você sente mais vontade de ir ao banheiro e a retenção de líquidos desaparece. Associada a hábitos alimentares saudáveis, a drenagem mostra resultados na pele após quatro sessões.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A massagem modeladora, apesar de não ser destinada especificamente para a celulite, e sim para a perda de medidas, pode ajudar uma vez que melhora a circulação - pois há aumento do fluxo de sangue na região massageada - favorecendo a diminuição dos furinhos.

Automassagem também pode ser benéfica para acabar com a celulite, ainda mais se associada a cremes para este fim. O ativo mais recomendado pelos especialistas é a cafeína, que inibe ação de uma enzima que estoca gordura. Para fazer a automassagem, levante os braços e, com a mão oposta, faça um bracelete ao redor do punho e arraste sua mão, circulando o braço, até a axila. A pressão deve ser firme, mas sem machucar ou deixar manchas roxas na pele. Nas pernas, a massagem deve ser feita direto nas áreas onde o problema está concentrado - sempre em direção ascendente, ou seja, comece nos joelhos ou tornozelos e suba até a virilha.

7. Tratamentos estéticos no combate à celulite

Quando todas as mudanças de hábitos anteriores já foram feitas e a "casca de laranja" ou furinhos ainda estão lá, provavelmente menores do que eram antes, mas custam a desaparecer, é ai que entram os tratamentos estéticos. Isso porque não adianta fazer os melhores tratamentos, com grandes especialistas no assunto, se não mudar o estilo de vida o efeito não será o desejado. Dentre as opções de tratamentos estéticos para este fim temos a endermologia, manta térmica radiofrequência, mesoterapia, carboxiterapia, ultrassom com lipolíticos (ultrassom estético), gesso liporedutor, criolipólise, subcisão, lipocavitação, ondas acústicas, corrente russa, entre outras.

A carboxiterapia é uma das técnicas mais procuradas, mas, atenção, ela não tem apoio médico. Ela foi criada inicialmente para tratar úlceras na pele, uma vez que a injeção de dióxido de carbono melhora a circulação sanguínea e oxidação dos tecidos fazendo as feridas fecharem mais rapidamente. Já a lipocavitação é um tratamento estético que utiliza o ultrassom para reduzir a gordura localizada em qualquer área do corpo que tenha acúmulo de gordura, o que, por sua vez, acaba por reduzir os furinhos.

Conheça dez tratamentos para celulite e como eles funcionam clicando aqui.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)