Úlceras orais

Visão Geral

O que é Úlceras orais?

Úlceras orais são pequenas lesões que ocorrem na boca, no interior das bochechas ou na base das gengivas. Elas não são contagiosas e normalmente desaparecem dentro de até duas semanas, mas causam desconforto para comer, beber ou falar.

Tipos

Os principais tipos de úlceras orais são:

  • Úlceras menores: Com cerca de 2 a 8 milímetros de diâmetro e que levam de 10 a 14 dias para se curarem
  • Úlceras principais: Estas são maiores e mais profundas, muitas vezes com uma borda elevada ou irregular. Este tipo de úlcera pode levar várias semanas para curar e há o risco de deixarem uma cicatriz na boca
  • Úlceras herpetiforme: Este tipo de úlcera é um conjunto de dezenas de feridas menores do tamanho de cabeças de alfinete.

Causas

Não existe uma causa exata para as úlceras orais. Contudo, alguns fatores podem levar ao problema. São eles:

  • Lesões menores causadas por fio dental, escovar os dentes com força, morder a parte interna da bochecha e lesões por esportes
  • Pastas de dente ou enxaguantes bucais que contenham laurel sulfato de sódio
  • Sensibilidade a alimentos ácidos, como limão, abacaxi e outros
  • Resposta alérgica a bactérias da boca
  • Falta de vitaminas essenciais, como a vitamina B12
  • Mudanças hormonais devido ao ciclo menstrual
  • Estresse
  • Infecções bacteriana, virais ou fungicas.

As úlceras na boca também podem ser um sintoma de problemas mais graves e que requerem tratamento médico, são eles:

  • Doença celíaca
  • Doença inflamatório no intestino
  • Doença de Bechet
  • Problemas no sistema imunológico
  • HIV.

Ao parar de fumar as pessoas podem desenvolver as úlceras orais com maior frequência durante certo tempo. Alguns medicamentos, incluindo analgésicos comuns, beta-bloqueadores e alguns voltados para casos de dor no peito podem causar úlceras orais.

Fatores de risco

Mulheres e pessoas com histórico familiar de úlceras orais correm mais risco de desenvolver o problema.

Sintomas

Sintomas de Úlceras orais

Alguns sintomas de que você tem úlceras orais são:

  • Ferida dolorosa dentro da boca, na língua, parte de trás do céu da boca ou bochechas
  • Feridas na boca que são redondas, brancas ou de cor cinza, com borda vermelha
  • Febre
  • Lentidão física
  • Inchaço nos gânglios linfáticos.

Diagnóstico e Exames

Buscando ajuda médica

Busque ajuda médica se a úlcera oral durar mais de três semanas, voltar com frequência, estiver muito grande, causar muita dor ou levar a uma febre alta.

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar uma úlcera oral são:

  • Clínico geral
  • Cirurgião dentista
  • Gastroenterologista.

Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:

  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.

O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:

  • Há quanto tempo você tem a úlcera oral?
  • É a primeira vez que tem este problema?
  • Como são seus hábitos alimentares?
  • Você tem algum outro problema de saúde?
  • Você utiliza algum medicamento?

Diagnóstico de Úlceras orais

O médico ou cirurgião dentista é capaz de diagnosticar as úlceras na boca somente com o exame visual. Caso elas sejam frequentes, a pessoa pode ser testada para outras condições.

Tratamento e Cuidados

Tratamento de Úlceras orais

As úlceras orais geralmente acabam sem necessidade de tratamento em até duas semanas. Contudo se a úlcera oral for persistente, dolorida ou grande algumas medidas podem ser tomadas:

  • Usar de bicabornato de sódio
  • Usar leite de magnésia na ferida
  • Usar benzocaína
  • Aplicar gelo no local
  • Usar enxaguatórios com esteroides
  • Usar pastas tópicas
  • Cauterização no local
  • Tomar suplementos nutricionais, se a causa for a carência de algum nutriente
  • Usar alguns remédios naturais como chá de camomila e alcaçuz.

Prevenção

Prevenção

É possível prevenir as úlceras orais, algumas medidas que evitam o problema são:

  • Evite alimentos ácidos, condimentos ou outros que possam causar irritação
  • Faça uma boa higiene bucal.

Este conteúdo ajudou você?
Sim Não