PUBLICIDADE

Proteja suas axilas durante a temporada de verão

Fique longe da irritação, do suor e do mau cheiro no calor

Com as altas temperaturas da estação quente, a resposta do corpo é imediata: o suadouro é muito maior. Por isso que manter as axilas limpas, lisinhas, livre de impurezas (e respirando!) é sinônimo de conforto e bem-estar na temporada de verão. "Quando as axilas ficam irritadas durante o verão, a coceira, ardência e irritação pode permanecer até a chegada da próxima estação", explica a dermatologista Gabriela Casabona. A especialista dá todas as dicas para você aproveitar o calor sem medo de levantar os braços, confira:

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Livre-se das mangas

Livre-se das mangas - Getty Images
Livre-se das mangas - Getty Images

Aproveite os dias de calor para investir em peças mais cavadas, que não vão agredir as axilas. "O suor somado ao atrito da roupa pode resultar em fortes irritações. Sempre que puder, deixe a pele respirar", explica a dermatologista. "Quando não for possível optar por este tipo de corte, evite usar tecidos sintéticos, que abafam a região. Escolha o algodão, linho, malhas, que são tecidos leves e frescos."

Não exagere na dose

Não exagere na dose - Getty Images
Não exagere na dose - Getty Images

Na tentativa de controlar o suor, muita gente acaba abusando do desodorante. Só que acabam ignorando que, usado em excesso, ele pode prejudicar a saúde da pele. "É claro que o desodorante deve estar presente nos cuidados com a higiene, principalmente durante o verão. Mas, aplicar o produto diversas vezes ao dia também pode fechar os poros da pele, causando coceira e irritação", explica. O alerta fica para as pessoas que já apresentam alguma predisposição à alergia na área das axilas. A dermatologista sugere o uso de desodorantes em creme ou roll-on em vez da versão em spray. "As melhores opções para afastar alergias são os desodorantes sem cheiro e sem álcool, menos agressivos", diz.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Frescor garantido

Frescor garantido - Getty Images
Frescor garantido - Getty Images

Quanto mais o calor aumenta, mais suamos, e a axilas acabam ficando úmidas. O ambiente torna-se um ambiente propício para a proliferação de fungos e bactérias, e a saúde da pele fica ameaçada. Portanto, seque bem a área sempre que possível. Pode ser com uma toalha, com lenços umedecidos ou até mesmo com um papel macio. Mas, nada de esfregar com força, seque delicadamente para não agredir a pele.

Depilação segura

Depilação segura - Getty Images
Depilação segura - Getty Images

Os cuidados devem ser redobrados na hora da depilação. Para evitar irritação e pelos encravados, as técnicas mais indicadas são a depilação à laser ou com cera (quente ou fria). A lâmina provoca uma agressão maior e, além disso, se o acessório estiver contaminado com qualquer sujeirinha pode causar assaduras e até uma infecção. "A melhor alternativa são métodos que fazem o pelo crescer lentamente", diz a especialista.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Higienize

Higienize - Getty Images
Higienize - Getty Images

Outra sugestão que garante mais proteção para área das axilas é mantê-la limpa. De acordo com a especialista, quem apresenta um suor excessivo, pode lavá-las mesmo sem ser na hora do banho . "Quando lavamos as axilas com água e sabão, eliminamos os micro-organismos e o excesso de desodorante. Assim, podemos passar o produto mais uma vez", sugere. "Dependendo do caso, a higienização pode acontecer de uma a 4 vezes por dia, assim o mau cheiro, provocado pelas bactérias, também diminui", explica a dermatologista.